China pode estar planejando cancelar proibição do Bitcoin

A China tem sido um dos países que mais aparece nos holofotes do setor financeiro, seja ele o tradicional ou então o criptomercado.

Siga no
Dúvida sobre o Bitcoin ser caçado pela China
Dúvida sobre o Bitcoin ser caçado pela China

A China tem sido um dos países que mais aparece nos holofotes do setor financeiro, seja ele o tradicional ou então o criptomercado. Com o banimento do governo Chinês ao setor, muitos ficaram preocupados com o ecossistema do Bitcoin, mas agora parece que o governo não está tão seguro sobre a sua posição negativa em relação ao setor das moedas digitais, querendo saber a opinião pública sobre o assunto.

Um release de imprensa publicado no final da semana passada pela Comissão de Reforma e Desenvolvimento Nacional da China pede comentários do público sobre a mineração de Bitcoin.

A agência de planejamento macroeconômico da China é uma importante autoridade regulamentar do país e é responsável por listar diferentes atividades econômicas proibidas na região, e atualmente a mineração de criptomoedas está na lista negra dessa comissão.

Opinião publica

O período para comentários públicos vai durar um mês a partir da data de publicação (21 de outubro) e vai até 21 de novembro. O público poderá oferecer feedback através de e-mail, cartas físicas ou nos comentários do próprio site da Comissão Nacional.

Ainda de acordo com a agência do governo, a comissão quer ouvir a opinião pública tanto de pessoas que possuem relação com o setor financeiro como também de “pessoas de diferentes setores e posições sociais.”

Não dá para saber se por algum motivo a China pode estar considerando remover a mineração de criptomoedas da sua lista negra ou se o impacto financeiro da decisão foi negativo e eles querem voltar a fomentar essa atividade por lá. Pode ser que o pedido de opinião pública seja completamente inútil e nada seja feito após o período acabar.

Bitcoin não se importa

Uma coisa é certa: O ecossistema do Bitcoin não se importa com a China. 

A participação da China no ecossistema do criptomercado estava sendo supervalorizado e a proibição da mineração e outras atividades ajudou a provar justamente isso.

Sem a mineração da China, o hashrate do Bitcoin passou a crescer nos EUA e em outros países do mundo, descentralizando ainda mais a rede, exatamente como o Bitcoin foi programado para fazer.

Será que a China pode ter percebido que o Bitcoin não se importa com o que ela pensa do criptomercado e que apenas ela tem a perder ao não aproveitar a indústria? Só nos resta esperar para saber como o governo, que já baniu o Bitcoin outras vezes, vai permitir negociação com a moeda digital ou se trata apenas de uma estratégia para identificar quem apoia o ativo.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Kid Bengala promete dar “madeirada” em quem vender criptomoeda

Após a sua grande carreira na indústria de filmes adultos, Clóvis Basílio dos Santos, mais conhecido como Kid Bengala, se tornou uma celebridade na internet...

Um dos maiores bancos dos EUA pode estar explorando empréstimos com Bitcoin

Com os bancos e outras instituições demonstrando cada vez mais interesse no criptomercado, podemos ver cada vez mais produtos ligados ao setor tradicional e...
Homem olhando bravo para notas amassadas de Real brasileiro enquanto segura o Bitcoin

Pesquisa revela que brasileiros acreditam no Real digital apenas no curto prazo

Muitos brasileiros acreditam no Real digital como uma tecnologia promissora de curto prazo, não para daqui a cinco anos. Pelo menos isso é o...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias