Cinco personalidades da criptoeconomia estão na lista da Fortune 4040 – 2018

Cinco jovens influentes no mundo das criptomoedas estão na lista 40 under 40 da Fortune.

-

Siga no
Anúncio

A Fortune Magazine publicou sua classificação anual que reune os jovens mais influentes nos negócios em todo o mundo. A lista chamada de ” 40 under 40″ incluiu cinco pessoas influentes no mundo das criptomoedas.

O co-fundador da Coinbase, Brian Armstrong, ficou em 20º à frente da popstar Rihanna. Embora Armstrong não seja um nome familiar, ele certamente foi considerado um ícone no setor de criptomoedas.

Em 2017, Armstrong marcou o 10º lugar. O empresário de 35 anos conduziu a Coinbase a um crescimento significativo desde o início da empresa em 2012 – ela foi avaliada em US $ 1,6 bilhão em 2017. A corretora agora tem mais de 13 milhões de usuários em mais de 190 países.

Anúncio

A Fortune publica a classificação “40 under 40” anualmente, desde 1999. Os nomes que compõem a lista são:

  • CEO da Coinbase, Bryan Armstrong (20º lugar);
  • Co-fundador do Ethereum, Vitalik Buterin (22º lugar);
  • Os co-fundadores da Robinhood, Vlad Tenev e Badzhu Bhatt; (24º lugar);
  • O fundador do Telegram, Pavel Durov, que levantou US $ 1,7 bilhão durante sua ICO em 2018 (25º lugar).

Vitalik Buterin e Bryan Armstrong não são novos. Vitalik apareceu pela primeira vez na classificação de 2016. Em 2017, ele dividiu o 10º lugar com Bryan Armstrong.

Pavel Durov, Vlad Tenev e Badzhu Bhatt apareceram pela primeira vez este ano. Em 2013 eles lançaram a exchange Robinhood, uma exchange com negociações gratuitas.

Finalmente, Pavel Durov, do qual a Fortune sugere que “é a hora de reconhecer as realizações de Durov por si só”. Além de criar o Telegram – um dos aplicativos mais populares entre os investidores de criptomoedas -, ele também levantou US $ 1,7 bilhão durante uma ICO e planeja lançar a criptomoeda em seu aplicativo.

Antes de 2003, o principal critério para listar influenciadores era o status pessoal de cada um. Desde 2009, o rating inclui as pessoas mais influentes no mundo, a maioria delas trabalham no setor de tecnologia.

O fundador da Boost VC, Adam Draper, expressou sua empolgação com o crescente interesse da mídia por influenciadores de criptomoedas. Draper twittou:

Um dos fundadores e chefe do Instagram Kevin Systrom e fundador e chefe-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg dividiram o primeiro lugar.

Os fundadores da empresa de transporte Logan Green e John Zimmer estão em segundo lugar.

Leia também: As 10 pessoas mais ricas em Bitcoin

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, aprendiz e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]
Bitcoin e gráfico em queda de preços

Bitcoin cai 5% e pode não romper marca de 2017

O Bitcoin se aproxima do fechamento do mês de setembro e cai pelo menos 5% nesta segunda. Com a queda no preço do Bitcoin,...
FinCEN Files

Documentos vazados revelam que bancos lavaram R$ 10 trilhões em dinheiro ligado a crimes

Mais de 2.100 documentos secretos da FinCEN, Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA, foram vazados e os detalhes desses arquivos trazem informações...
Europa (União Europeia e Bitcoin)

Europa vai regulamentar Bitcoin até 2024, apontam documentos

Segundo documentos vazados para a imprensa, a Europa vai regulamentar o Bitcoin até 2024 em todos os países membros do bloco. O tema ganhou...

Últimas notícias

Documentos vazados revelam que bancos lavaram R$ 10 trilhões em dinheiro ligado a crimes

Mais de 2.100 documentos secretos da FinCEN, Rede de Combate a Crimes Financeiros dos EUA, foram vazados e os detalhes desses arquivos trazem informações...

Europa vai regulamentar Bitcoin até 2024, apontam documentos

Segundo documentos vazados para a imprensa, a Europa vai regulamentar o Bitcoin até 2024 em todos os países membros do bloco. O tema ganhou...

Brasil desenvolve com blockchain uma identidade descentralizada

O Brasil caminha rumo às novas tecnologias e já desenvolve com uso da blockchain um novo projeto. Chamada de identidade descentralizada, a solução promete...