Vítima do “Faraó dos bitcoins” consegue bloquear R$ 7,2 milhões na Binance

Binance terá que liquidar criptomoedas e enviar valor para conta judicial.

Faraó dos Bitcoins segurando carteira Trezor de criptomoedas
"Faraó dos Bitcoins" segurando carteira Trezor de criptomoedas. Reprodução

Um cliente do “Faraó dos Bitcoins” Glaidson Acácio dos Santos conseguiu uma autorização na justiça para bloquear R$ 7,2 milhões na corretora Binance. O valor teria sido investido por ele no possível esquema de Cabo Frio.

A decisão foi concedida após vários meses em que a empresa suspendeu os pagamentos aos seus clientes, alegando que a culpa é da justiça. Mas como a líder Mirelis Zerpa, esposa do autoproclamado faraó, segue foragida, clientes seguem buscando reaver o dinheiro investido.

Quando ela fugiu, foram detectadas movimentações em sua conta na Binance, segundo o MPF, com várias carteiras sendo rastreadas após a Operação Kryptos em busca de reaver cerca de R$ 1 bilhão em posse dela.

Cliente do “Faraó dos Bitcoins” consegue tutela antecipada para bloquear R$ 7,2 milhões na Binance

Um cliente da GAS Consultoria Bitcoin no Paraná apresentou todas as provas que detinha contra a empresa, que prometia rendimentos de 10% ao mês, mas deixou um rastro de prejuízo por todo Brasil.

Segundo ele, a empresa tinha Bitcoin depositado em corretoras, citando principalmente as plataformas “BITSTAMP.NET”, “BITMEX.COM”, “BITFINEX.COM”, “BINANCE.COM”, “KRAKEN.COM”, “BITTREX.COM”, “POLINIEX.COM”. Além de pedir com urgência para que valores encontrados nessas fossem bloqueados, o investidor não profissional pediu ainda bloqueio de bens via SISBAJUD.

Os pedidos foram feitos contra as empresas do grupo do “Faraó dos bitcoins”, sendo citadas a “DSR SOLUCOES DE NEGOCIOS EIRELI”, “GAS CONSULTORIA E TECNOLOGIA LTDA”, “MYD ZERPA TECONOLOGIA EIRELI”, entre outras mais.

O cliente e sua defesa também citou os líderes Glaidson Acácio dos Santos, Mirelis Zerpa, Tunay Pereira, Michael Magno e outras empresas da associação, contudo, o juiz entendeu que não deve ser expedido pedido contra as pessoas físicas ainda.

Binance terá que liquidar criptomoedas encontradas

O Livecoins obteve acesso à decisão pública contra a GAS Consultoria, indicando que deverá ser bloqueado até o limite de R$ 7,2 milhões na corretora Binance, em um processo público que corre em Maringá. As moedas devem estar em posse das empresas citadas pelo investidor.

Chama atenção que o juiz determinou que qualquer criptomoeda encontrada deve ser transformada em Real pela própria Binance e só então enviadas para uma conta judicial.

“Pelo presente, nos autos acima descrito, determino a Vossa Senhoria, que proceda o arresto de criptomoeda, ou fração dela, de titularidade dos réus no montante de R$ 7.200.000,00 (sete milhões e duzentos mil reais). As criptomoedas deverão ser antecipadamente liquidadas pela exchange e a quantia daí derivada depositada em conta bancária vinculada ao juízo.”

Juiz deferiu pedido para bloquear R$ 7,2 milhões na Binance - Livecoins
Juiz deferiu pedido para bloquear R$ 7,2 milhões na Binance. Decisão pública em caso contra GAS Consultoria

Essa decisão mostra que clientes da GAS Consultoria Bitcoin estão individualmente ingressando na justiça em busca de criptomoedas em nome da empresa, correndo contra o tempo para tentar reaver pelo menos uma parte do prejuízo acumulado pela fraude da empresa.

Em conversa com o Livecoins, o advogado Artêmio Picanço, responsável pela defesa do investidor, declarou que essa decisão a busca por criptomoedas em corretoras se torna possível.

“Com essa decisão iremos atrás dos Criptoativos por ventura existentes nas Exchanges. É uma decisão emblemática, assertiva e principalmente justa ao cliente que está desassistido pela empresa GAS.”

Binance

A binance enviou uma nota sobre o caso e informou que atua em total colaboração com as autoridades para desenvolvimento e regulação do mercado.

“A Binance informa que segurança é prioridade para a empresa e que atua em total colaboração com as autoridades locais para desenvolvimento e regulação do mercado, bem como em casos de eventuais investigações policiais para coibir que pessoas mal intencionadas utilizem a plataforma.”

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias