Como lucrar com a queda do Bitcoin?

Comprar ou vender?

Siga no
Preço gráfico do Bitcoin em queda
Preço do Bitcoin em queda

Como muita gente já sabe, o Bitcoin está vendo uma das semanas mais “terríveis” nos últimos meses. Com mais de 40% do seu valor derretendo em questão de dias. Após comentários de celebridades e possíveis ações da China para proibir as criptomoedas, muita gente está se perguntando se é o fim da moeda digital.

Um consenso da comunidade é que agora estamos em um momento que pode ser um divisor de águas entre os investidores de Bitcoin com mãos fortes e aqueles que podem se arrepender no futuro (mãos de alface).

Com o preço da moeda caindo mais de 36% em dois dias, esta poderia ser uma oportunidade de compra?

Oportunidade de lucro em meio a queda do Bitcoin

Para entendermos melhor o momento, vamos voltar um pouco no tempo, lá em março de 2020.

No que agora é chamado de “Black Thursday” o Bitcoin e outras ações do mercado tradicional despencaram.

Quando o Bitcoin começou a cair, entramos em um momento de venda sob pânico e o preço atingiu um fundo próximo dos US $ 5 mil. 

Cerca de um ano depois a moeda seria cotada a US $ 63 mil. 

Movimentação do preço do Bitcoin entre Março de 2020 e Maio de 2021.

Como é fácil de notar, quem comprou durante o período de baixa está com um lucro impressionante (mesmo com a atual queda).

Claro, analisar o mercado em retrospectiva é muito fácil, na época era fácil entender porque muitos estavam vendendo em meio ao pânico, afinal, é uma situação assustadora para muitos investidores perderem tanto dinheiro em pouco tempo.

Se formos um pouco mais para trás, na queda de 2017, temos uma situação parecida, com o Bitcoin despencando antes de ganhar força novamente e atingir novos recordes.

Peter Brandt, investidor no mercado de ações desde 1975, também vê comparações com outros momentos de queda da criptomoeda.

O Bitcoin é um grande mistério, mas se o histórico deles nos ensinou alguma coisa é o fato de que nenhum mercado de touro foi constante e sem grandes correções e que quando essas correções surgem, logo temos um período de recuperação que pode garantir lucros para os “mãos de diamante”.

Como ganhar dinheiro com o Bitcoin em queda?

Não estamos dizendo que investir em Bitcoin agora é uma boa ideia, ou que teremos lucro garantido nos próximos meses (ou anos). Mas esta pode ser sim uma boa oportunidade de compra para quem sempre quis aproveitar para comprar na baixa.

Para muitos este é aquele momento em que no futuro alguns dirão “queria ter a sorte de ter comprado à US $ 40 mil”. Para quem acredita no Bitcoin e na sua resiliência, a melhor forma de ganhar dinheiro com a queda do Bitcoin é justamente aproveitar as quedas “Buy the Dip”.

Para aqueles que não querem contar com o futuro do Bitcoin, mas sim ter mais controle sobre o lucro realizado, uma outra forma de ganhar dinheiro com a queda do Bitcoin é através de posições alavancadas.

Como exemplo, uma posição alavancada em 100x apostando na queda do Bitcoin com o preço a US $ 11 mil, se o preço chegar a US$ 10,500, o lucro então ficaria com a seguinte fórmula: ($11,000 – $10,500) * 100 BTC/$10,500 *100% = 4.76 BTC. Ou seja, um lucro de 476%. 

Isso quer dizer que, ao apostar contra o Bitcoin em queda você também pode ganhar dinheiro (o lucro pode até ser maximizado após alguns meses caso o Bitcoin valorize).

No entanto, vale destacar que a negociação alavancada é recomenda apenas para traders experientes e com uma boa margem de segurança para perdas. Esse tipo de negociação é extremamente perigosa e pode liquidar toda sua carteira com poucos erros, portanto, faça uma pesquisa avançada antes de se arriscar.

Para quem está mais preocupado, talvez seja hora de considerar comprar a queda e aguardar uma alta. Mas o Bitcoin sempre foi e continua sendo uma grande montanha russa emocional que cada vez mais envolve novas pessoas dispostas a aprender sobre esse sobe e desce.

Para os que acreditam na moeda este é o momento que muitos no futuro vão se arrepender de não ter comprado.

Para os que não acreditam este é o fim do Bitcoin, no entanto, vale lembrar que o Bitcoin já teve o “seu fim” mais de 400 vezes e sempre acabou voltando com mais força.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
G7. Imagem: ShutterStock

G7 pressiona Rússia por causa de ransomwares e lavagem de dinheiro com criptomoedas

O G7 se reuniu no último final de semana e pressionou a Rússia por causa dos ransomwares que estão sendo criados por criminoso do...
Tesla. Imagem: Shutter Stock

Elon Musk diz que Tesla voltará a aceitar Bitcoin

A Tesla começará a aceitar Bitcoin novamente quando a maior parte do processo de mineração da criptomoeda for realizado por fontes de energia renováveis,...
Bitcoin regulação. Imagem: ShutterStock

Deutsche Bank diz que Bitcoin “passou dos limites” e não pode mais ser ignorado

A popularidade crescente do Bitcoin está incomodando governos e bancos centrais. A gota d'água foi a legalização da criptomoeda em El Salvador. De acordo...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias