Criador do Bitcoin merece Nobel de Economia e da Paz, diz Michael Saylor

A invenção de Satoshi é um sistema financeiro que não depende de força militar ou política de um país, um sistema verdadeiramente descentralizado e consequentemente pacífico.

Siga no
Nobel. Imagem ShutterStock
Nobel. Imagem ShutterStock

Michael Saylor, um dos mais famosos apoiadores do Bitcoin, voltou a falar no Twitter sobre o ecossistema, elogiando o criador da moeda digital, Satoshi Nakamoto. Em sua rede social, Saylor afirmou que Satoshi não só merece um Prêmio Nobel pelo que fez ao setor financeiro e econômico, mas também merece um Nobel da Paz. 

“Satoshi Nakamoto merece um prêmio Nobel de Economia pela invenção do Bitcoin, seguido por um Nobel da Paz por ter inventado um sistema monetário que não precisa depender de ameaças de violência.”

A referência de Saylor é um argumento bem comum entre os apoiadores do criptomercado. Primeiro temos a clara referência ao Nobel de Economia, já que Satoshi Nakamoto criou um sistema financeiro, considerado por muitos algo revolucionário.

Satoshi Nakamoto, para muitos, criou uma forma de pessoas normais poderem ter uma chance em um setor financeiro que por décadas favoreceu apenas investidores ricos. A importância econômica do Bitcoin para o mundo é uma questão muito comum entre os apoiadores da criptomoeda.

A noção de que o criador do Bitcoin merece um Nobel de Economia não é nenhuma grande novidade, mas o Prêmio Nobel da Paz é algo que vale a pena discutir.

Por que Satoshi merece um prêmio Nobel da Paz?

De onde vem o preço do dólar? A resposta mais simples é que o preço dele vem da força econômica dos EUA baseado em em diferentes pontos, mas um dos principais é a força que os EUA tem em relação a outros países, principalmente a sua força militar.

Desde a primeira Guerra Mundial os Estados Unidos têm uma ligação muito próxima com conflitos militares e o fortalecimento da sua economia.

E claro, isso não é uma exclusividade dos EUA, mas com o país gastando mais de US$ 778 bilhões apenas em 2020 com suas forças armadas, é fácil entender a relação do poder do dólar com os conflitos militares e força de combate.

Gastos militares em 2020 em Bilhões. Fonte: M. Szmigiera,

Sem contar que o Complexo Militar Industrial é um dos maiores consumidores de energia do mundo, superando consideravelmente o Bitcoin.

Sendo assim, com a invenção de Satoshi, temos um sistema financeiro que não depende da força militar ou política de um país, um sistema verdadeiramente descentralizado e consequentemente pacífico.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Pessoa guardando Bitcoin em carteira

Regulação fechando o cerco contra corretoras faz investidores sacarem US$ 2,5 bi em bitcoin...

Após a crescente pressão de regulamentação sobre corretoras do mercado de criptomoedas, investidores de Bitcoin seguem enviando seus saldos para carteiras seguras. A análise foi...
Homem observa atento ao site da Binance

Binance pode ter troca no comando?

A Binance pode até ver uma troca no comando da corretora em breve, para atender as regulamentações de países em que atua. O atual...
Coca-Cola lança tokens colecionáveis em blockchain

Coca-Cola vai lançar token colecionável no dia amizade

A Coca-Cola planeja o lançamento de um token colecionável na próxima sexta-feira (30), o primeiro da marca feito com a tecnologia blockchain. Os chamados tokens...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias