Desenvolvedor consegue fazer GameBoy minerar Bitcoin

O Gameboy tem um rendimento de US $ 2 a cada 100 mil anos nas condições atuais.

Siga no

Aproveitando a tendência atual de mineração de criptomoedas, um desenvolvedor teve a ideia de modificar um console Nintendo Game Boy, lançado em 1989, para minerar Bitcoin.

Em um vídeo que foi publicado no Youtube, o programador e modder identificado como “stacksmashing” mostra todo o processo necessário para tornar o game Game Boy capaz de minerar a criptomoeda.

“Para minerar, precisamos nos comunicar de alguma forma com um nó Bitcoin que se comunica com a rede do Bitcoin e nos fornecerá os dados necessários para a mineração. Também precisamos anunciar nosso bloco caso consigamos minerar um, mas o Game Boy não tem Wi-Fi nem nada, então como podemos fazer com que ele se comunique com o nó Bitcoin?”

O primeiro problema foi colocar Internet no vídeo game portátil, para isso ele usou uma placa Raspberry Pi. Depois disso, ele conseguiu fazer uma interface entre o Game Boy e o computador, fazendo o GameBoy ser capaz de se conectar a rede do Bitcoin.

“Felizmente, o Game Boy tem uma porta de link, que normalmente é usada para realizar transações de Pokémon e outras coisas muito importantes, mas para mineração, podemos usá-la para nos comunicarmos com um computador. Para construir um adaptador de cabo de link para USB, decidi usar o Raspberry Pi Pico, pois torna muito fácil implementar todos os tipos de protocolos IO, e eu estava realmente ansioso para fazer uso disso.”

Depois ele usou uma aplicação para desenvolver jogos, e com ela, desenvolveu um software pequeno que permitia o GameBoy minerar a criptomoeda.

A ROM resultante do código foi disponibilizada no Github, então qualquer pessoa que tenha um GameBoy antigo pode repetir o processo para minerar a criptomoeda.

Minerar Bitcoin no GameBoy dá lucro?

Lançado há mais de 30 anos, o console da Nintendo produz 0,8 hash por segundo. Para efeito de comparação, um equipamento de mineração ASIC moderno produz cerca de 100 terahashes – 125 trilhões a mais.

Nesse ritmo, a mineração de um único Bitcoin levaria vários bilhões de anos no console. Colocando em outra perspectiva, o Gameboy tem um rendimento de US $ 2 a cada 100 mil anos.

A ideia de usar dispositivos antigos para fazer algo fora do comum não é nova. Entre os usuários da Internet, existe um “desafio” de rodar o jogo DOOM em todos os tipos de dispositivos que não foram feitos para isso.

O Nintendo Game Boy original tem um processador Sharp LR35902 de 8 bits com frequência de 4,2 MHz. A quantidade de RAM é de 8 KB e 8 KB adicionais são alocados para a memória de vídeo.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Polícia descobre mineração ilegal de Bitcoin dentro do próprio quartel

A polícia de diversos países continua de olho nas atividades ilegais de mineração que utilizam energia roubada para obter lucros com criptomoedas. Um caso...
Criptomoeda Ethereum mãe do DeFi

Ethereum será atualizado no dia 4 de agosto e se tornará deflácionário

Nos últimos dias os participantes de grupos de criptomoedas têm perguntado se a atualização de uma certa criptomoeda fará a alta do Bitcoin ser...
Mão segurando Bitcoin e bandeira da Malásia

“Clientes da Binance devem sacar fundos imediatamente”, diz CVM da Malásia

A CVM da Malásia afirma que os investidores de criptomoedas devem sacar seus fundos imediatamente da Binance, que receberá medidas coercitivas em breve. A nova...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias