É crime enviar criptomoedas para o exterior?

Siga no

Para os mais ansiosos, a resposta é não!

Segundo a Constituição Federal e Código Penal,  para que exista um crime é necessário uma lei.

Como não existe lei sobre criptomoedas, o seu envio, seja para território nacional ou internacional não é crime.

Mas como não é ilegal, se o Banco Central do Brasil disse não ser permitido a transferência internacional utilizando moedas virtuais1?

Bom, vamos por partes.

Em novembro de 2017, via comunicado oficial2, o BCB informou que operações com moedas virtuais não são de sua responsabilidade e que não existe lei no Sistema Financeiro Nacional para criptomoedas.

Ou seja, o próprio Banco Central, informa que matérias de criptomoedas extrapolam a sua competência e que não existe lei no caso em questão.

Ora, se o BCB assume que a regulação ou supervisão de moedas virtuais não são de sua responsabilidade, não cabe a ele proibir ou permitir nada no mundo das criptomoedas.

Entende? Só a lei tem o condão de proibir ou delegar essa função para que outra instituição o faça.

Tudo bem, mas e a famosa lei sobre evasão de divisas. Como fica no caso das criptomoedas?

Bom, a lei federal que trata de evasão de divisas3 é destinada a crimes financeiros, operações de câmbio não autorizadas e saída irregular de moeda para o exterior.

Assim, a lei de evasão de divisas não se aplica à criptomoedas, ela é aplicada à dinheiro, moeda e ações, dentre outros.  

Vale lembrar que, segundo a lei, criptomoedas não é moeda, pois apenas a União, através do Banco Central, pode emitir moedas4.  

Dessa forma, se um bitcoin é enviado para uma exchange, com endereço no exterior, ocorreu o envio de uma criptomoeda e não de dinheiro.

E como não existe lei proibindo a transferência de criptomoedas, ninguém poderá ser punido por isso, mesmo que o envio tenha como destino final países estrangeiros.

Mesmo raciocínio pode ser adotado se a criptomoeda é enviada para uma exchange descentralizada ou para uma hot ou cold wallet, para, futuramente, ser vendida ou trocada.

Lembre-se que a troca de criptomoeda por dinheiro não é crime no Brasil e na maioria dos países do mundo.

Vale ressaltar que embora não exista no Brasil definição do que seja uma criptomoeda, é indiscutível que ela representa valor, é um bem, um direito, sendo inclusive tributada pela Receita Federal.

Por isso, mesmo sem definição legal, é plausível considerar que a criptomoeda é um bem, um ativo.

Portanto, o detentor da criptomoeda poderá circular ou sair do Brasil com ela, pois conforme permite a Constituição Federal, é livre permanecer ou sair da Brasil com seus bens5.  

Tanto é verdade que a Receita Federal disponibiliza uma lista6 dos bens proibidos de saírem do Brasil e nela você não encontra criptomoedas.

Por fim, o tema é novo, o debate é longo e as informações equivocadas são muitas, mas pela legislação nacional, não há crime de evasão de divisas no ato de comprar criptomoedas no Brasil e vender em outro país!

 

REFERÊNCIAS

1BCB. Moedas virtuais. Disponível em: <https://www.bcb.gov.br/pre/bc_atende/port/moedasvirtuais.asp?idpai=faqcidadao>. Acesso em: 21 jun. 2018.

2BCB. Comunicado nº 31.379, de 16/11/2017. Disponível em: <http://www.bcb.gov.br/pre/normativos/busca/normativo.asp?numero=31379&tipo=comunicado&data=16/11/2017>. Acesso em: 21 jun. 2018.

3PLANALTO. Lei nº 7.492, de 16 de junho de 1986. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l7492.htm>. Acesso em: 21 jun. 2018.

4PLANALTO. Artigo 164 da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm>. Acesso em: 21 jun. 2018.

5PLANALTO. Artigo 5º, XV da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm>. Acesso em: 22 jun. 2018.

6RECEITA.FAZENDA. Proibições e restrições. Disponível em: <http://idg.receita.fazenda.gov.br/orientacao/aduaneira/viagens-internacionais/guia-do-viajante/saida-do-brasil/proibicoes-restricoes>. Acesso em: 21 jun. 2018.

Leia mais sobre:
Raphael Souza
Raphael Souzahttps://rsouzaadvocacia.com
Raphael é advogado especialista em Direito Empresarial e mestrando em Direito e Informática. Se dedica à advocacia no ramo das criptomoedas e cibercrime. Email: contato@rsouzaadvocacia.com

Governo da Ucrânia ensina bitcoin para população

O Ministério da Transformação Digital da Ucrânia criou uma campanha para ensinar  bitcoin, blockchain e criptomoedas para a população. Os vídeos foram desenvolvidos em...

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...
BCHA-51-attack

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

Últimas notícias

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

30 bilionários possuem bitcoin, mas não falam sobre isso, revela milionário do Twitter

O multimilionário filantrópico Bill Pulte, apelidado de "Bitcoin Bill" após sua entrada no mercado de bitcoin em dezembro de 2019, afirmou em uma live...