El Salvador comprar mais Bitcoin e agradece: ‘Obrigado por vender barato’

El Salvador já perdeu US$ 57 milhões acumulados em fundos públicos, de acordo com estimativas de participantes do mercado que acompanham suas compras.

Nayib Bukele, presidente de El Salvador, anunciou hoje que seu país aproveitou a queda e comprou mais 80 bitcoins a um preço médio de US$ 19.000 cada. No mês passado o país latino americano havia comprado 500 bitcoins por cerca de US$ 30.000 cada.

O presidente de El Salvador não é uma daquelas pessoas que ficam tristes com a queda do Bitcoin, ao invés disso, Bukele comemora quedas da moeda digital – quando aproveita para comprar a criptomoeda para os cofres do país.

No tweet mais recente feito pelo presidente, Bukele reafirma que vê o Bitcoin como o futuro do dinheiro e listou todas as compras e preços relacionados realizados.

El Salvador tem 2200 bitcoins

De acordo com algumas estimativas, que o governo de El Salvador contestou imediatamente nos últimos dias, as perdas até agora seriam de cerca de US$ 40 milhões.

Segundo o governo, essas estimativas são exageradas e, como nenhum bitcoin foi vendido, qualquer prejuízo ainda não pode ser contabilizado.

Conforme dados não confirmados pelas autoridades salvadorenhas, o país pode ter atualmente cerca de 2.200 bitcoins, comprados em vários momentos desde setembro de 2021.

O ministro das Finanças de El Salvador, Alejandro Zelaya disse nos últimos dias que o país havia vendido uma pequena quantidade de Bitcoin para financiar um hospital. Mas a notícia foi desmentida depois de algumas horas pelo próprio presidente, que disse que não havia feito nenhuma venda e que o hospital havia sido financiado com outros recursos.

Obrigado por vender barato

O presidente de El Salvador está mais uma vez tentando “comprar na queda”, desta vez com o sentimento de baixa do mercado e uma série de grandes colapsos de empresas de criptomoedas.

Bukele disse que negocia bitcoin em seu celular. Suas primeiras compras foram em setembro de 2021, quando o bitcoin estava sendo negociado por cerca de 52 mil dólares, de acordo com o site Nayib Bukele Portfolio Tracker.

Sua segunda maior compra de bitcoin foi de 420 bitcoins em 27 de outubro de 2021, quando o bitcoin estava sendo negociado a US$ 60.345.

O preço que Bukele pagou para comprar esses 80 bitcoins é, portanto, menos da metade do preço médio que o governo de El Salvador pagou por suas participações em bitcoin.

El Salvador já perdeu US$ 57 milhões acumulados em fundos públicos, de acordo com estimativas de participantes do mercado que acompanham suas compras.

Apesar disso, o ministro das Finanças sustentou que as condições adversas provavelmente não prejudicarão a saúde fiscal de El Salvador:

“Quando me dizem que o risco fiscal para El Salvador por causa do Bitcoin é muito alto, a única coisa que posso fazer é sorrir. O risco fiscal é extremamente mínimo.”

O preço do Bitcoin caiu mais de 70% em relação a seu recorde histórico de novembro de 2021 e quase 57% desde que Bukele declarou seu plano de adoção do Bitcoin.

Como resultado, o investimento do governo de El Salvador foi reduzido pela metade e a adoção nacional do Bitcoin não decolou como esperado.

Mesmo assim, Bukele agradeceu aos traders que estão vendendo bitcoin com preço baixo e disse que confia no futuro do bitcoin.

“Obrigado por vender barato”, disse Bukele.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Livecoins
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Últimas notícias