Elon Musk venderá ações do Twitter caso não consiga controle da rede social

Ações do Twitter saltam com euforia pela possível compra da rede social por homem mais rico do mundo.

Bolsa de Nova York, NYSE marcando listagem de ações do Twitter
Bolsa de Nova York, NYSE marcando listagem de ações do Twitter

O bilionário Elon Musk anunciou uma intenção de comprar 100% do Twitter, indicando que poderá vender suas ações caso não consiga concluir o negócio.

Atual homem mais rico do mundo, Elon Musk mirou no Twitter como novo negócio a entrar para seu portfólio como empresário. Conhecido por ser um dos fundadores do PayPal, Elon Musk é hoje CEO da Tesla e da empresa SpaceX.

Com conta pública em rede social apenas pelo Twitter, ele informou que poderia ser nomeado diretor, mas acabou recuando. Contudo, com o novo anúncio dele, fica claro o porque Musk desistiu da simples posição de diretor e agora quer o total controle da empresa.

Elon Musk venderá todas as suas ações do Twitter caso acionistas não vendam para ele o controle da rede social

Elon Musk partir para a ação, literalmente, com uma postura agressiva no mercado financeiro dos EUA, buscando comprar 100% do Twitter, uma empresa atualmente de capital aberto. Caso Musk detenha o controle da empresa, ela poderá ter sua negociação encerrada na bolsa de valores.

De qualquer forma, ele protocolou sua intenção de aquisição na CVM dos EUA, a SEC, indicando que quer comprar 100% do Twitter. Segundo ele, a rede social é promissora em garantir liberdade de expressão em todo o mundo.

No entanto, Elon Musk disse que após comprar 9% das ações da empresa, ela não “atenderá a esse imperativo social em sua forma atual, devendo se transformar em empresa privada“.

Dessa forma, ele fez a proposta de adquirir 100% das ações ao custo por ação de US$ 54,20 em dinheiro. Caso os atuais acionistas não concordem em vender seus papéis, Elon Musk indicou que venderá suas ações e sairá do Twitter.

“Como resultado, estou oferecendo a compra de 100% do Twitter por US$ 54,20 por ação em dinheiro, um prêmio de 54% sobre o dia anterior ao meu investimento no Twitter e um prêmio de 38% sobre o dia anterior ao anúncio público do meu investimento. Esta é minha melhor e última oferta e, se não for aceita, precisarei reconsiderar minha posição como acionista.”

É importante notar que embora o negócio tenha sido apresentado, com o banco Morgan Stanley como consultor financeiro da proposta, Elon Musk pode desistir do negócio a qualquer momento. Pelo próprio Twitter, o bilionário publicou apenas que “fez uma oferta”.

Elon já utilizou Twitter para falar de criptomoedas várias vezes

No último ano de 2021 principalmente, Elon Musk dedicou vários momentos de sua aparição pública no Twitter para falar de criptomoedas. Além do Bitcoin, ele falou de Dogecoin e até mencionou o Ethereum como um de seus investimentos.

Se aproximando do então CEO do Twitter Jack Dorsey, Elon Musk deixou claro seu interesse pela rede social. Nos últimos dias, contudo, ele criticou pesado a empresa pela forma como ela lida com questões como robôs de criptomoedas e golpes, indicando que gostaria de mudanças.

Não está claro se Musk conseguirá o controle do Twitter ainda, mas as ações da empresa TWTR saltaram 6% só no pré-market, indicando que deveram ser negociadas em alta nessa sessão da quinta-feira (14) na NYSE.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias