Ethereum é para ricos, mas em breve esses caras ficarão pobres, diz CEO da Binance

O custo médio das taxas por transações na rede Ethereum disparou acima de US $ 50 nos últimos dias.

Siga no
Moeda Ethereum pegando fogo recorde
Moeda Ethereum pegando fogo

O CEO da Binance, a maior corretora de criptomoedas do mundo em termos de volume negociado, disse que não usa mais Ethereum. O empresário que é uma das personalidades mais influentes do mercado sugeriu que os investidores da moeda em breve serão pobres.

“Ethereum agora é uma rede para caras ricos, mas em breve esses caras ficarão pobres”, disse Changpeng “CZ” Zhao na tarde deste sábado (27).

Ao que parece, CZ fez uma critica direta as altas taxas de rede que a plataforma Ethereum cobra atualmente para qualquer um que tente transferir moedas. Além disso, ele quer promover a todo custo sua própria plataforma blockchain, a Binance Smart Chain, uma concorrente direta da rede Ethereum.

Questionado por uma seguidora se a Binance Smart Chain seria o “Ethereum dos pobres”, CZ respondeu que sim, e que sua plataforma era ainda mais rápida.

“Sim, como um carro barato, mas mais rápido.”

Binance Smart Chain, o ‘Ethereum da Binance’

O custo médio das taxas por transações na rede Ethereum disparou acima de US $ 50 nos últimos dias. A moeda digital superou os 2 mil dólares e os usuários precisavam desembolsar o equivalente a R$ 270 para transferir moedas na rede, a não ser que customizassem taxas e esperassem mais pelas transações.

O que, de fato, transformou a rede Ethereum em uma plataforma para os ricos, afinal, pagar 50 dólares para transferir pequenos valores em uma rede blockchain não é aceitável.

Com usuários customizando taxas e esperando mais, a rede entrou em colapso com várias transações pendentes, assim, a Binance começou sua ofensiva contra a plataforma, interrompendo os saques de Ether em sua plataforma duas vezes na semana passada.

A ação foi vista como o primeiro passo da corretora para ‘destruir’ o Ethereum e se tornar a principal blockchain do mercado, o que deu certo, já que vários usuários migraram para a Binance Smart Chain, fazendo até a Pancake, primeira DEX da BSC, ultrapassar a UNISWAP pela primeira vez na história.

De uma perspectiva de desenvolvimento, a Binance Smart Chain é facilmente integrável com projetos Ethereum (sendo uma blockchain 100% compatível com EVM). Portanto, há um potencial de a rede da Binance superar o Ethereum caso ela não resolva o problema das taxas altas e CZ continue sua ofensiva.

Os concorrentes da rede Ethereum já estão no mercado há muito tempo, sendo as principais a Polkadot, Cardano, Quantum (QTUM) e NEO. Porém, nenhuma delas conseguiu pegar uma tração que pudesse torná-la uma preocupação para o bom e velho Ethereum.

Então surgiu a BSC em setembro de 2020, com o CEO da Binance encorajando projetos DeFi a deixar a rede Ethereum em favor da BSC.

Embora as duas redes estejam coexistindo por enquanto, a Binance parece estar apostando nas baixas taxas do BSC para o crescimento futuro da rede.

Ethereum que se cuide.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Idoso segurando Bitcoins aposentadoria

Empresa passa a oferecer aposentadoria com Bitcoin

Uma parceria entre três empresas do mercado de criptomoedas possibilitou a criação de um produto de aposentadoria com Bitcoin. Os planos de aposentadoria, normalmente chamados...

Líder de pirâmide com Bitcoin é solto e volta a aplicar golpes prometendo lucros

Mesmo depois de ter sido preso e indiciado pela Polícia Civil, o dono da pirâmide financeira "Medina Bank", Izaltino Medina Filho, de 60 anos,...

Modelo do Instagram vende seu “amor” em forma de criptomoeda

O mercado dos tokens não-fungíveis (NFTS) realmente se tornou uma grande moda nos últimos meses, sendo uma forma que muitos escolheram para vender peças...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias