Autor de fake news sobre Walmart e criptomoeda pode ser preso

Caso o autor da fake news seja encontrado, ele pode ir a julgamento e cumprir uma pena de até 5 anos de prisão por cada acusação, além de multas que podem chegar a 5 milhões de dólares.

Siga no
Walmart
Walmart

Na segunda-feira, 13 de setembro, um falso comunicado foi publicado pela Globe Newsire anunciando que o Walmart havia fechado uma parceria com a criptomoeda Litecoin. Apesar do mercado de criptomoedas ter pouca regulação, a fake news envolveu o Walmart, empresa listada na bolsa americana, onde leis sobre manipulação são rígidas.

No comunicado de imprensa, o autor do artigo escreveu citações de Doug McMillon, CEO do Walmart, porém elas eram falsas:

“[…]Nós estamos muito animados em trabalhar junto com a Litecoin Foundation, e continuar inovando nossos negócios. A partide de 1º de outubro, todas as lojas de comércio eletrônico terão implementado a opção ‘Pague com Litecoin'”

A falsa notícia rapidamente se espalhou, sendo replicada até mesmo pelo Twitter oficial da Litecoin que logo apagou o tweet após um porta-voz do Walmart desmentir a notícia. Todavia, este tempo já foi suficiente para que o preço do LTC aumentasse mais de 35%, além do volume de negociações.

Preço do LTC sobe 35% em 15 minutos após fake news. Fonte: TradingView

O autor também fez citações falsas de Charlie Lee, CEO da Litecoin Foundation, que cuida do desenvolvimento da moeda:

“[…]Nós estamos emociados e extremamente entusiasmados porque a nossa criptomoeda agora é aceita pelo Walmart, abrindo mais oportunidades para qualquer comerciante aceitar Litecoin no futuro.”

Segundo Lee, também conhecido como Satoshi Lite, em comunicação com a Reuters por e-mail, ele possui apenas 5 LTC e tem bem poucos motivos para ter participado da fake news.

Já o Globe Newsire, site onde a fake news foi publicada, relatou que está pronto para trabalhar com as autoridades na investigação e a encontrar o criminoso.

Além disso, o site postou uma nota sobre a notícia entre a parceria entre Walmart e Litecoin, dizendo para que ela fosse ignorada pelo público e outros jornalistas.

Embora o preço das ações da Walmart pareça não ter sofrido nenhuma alteração, a criação de notícias falsas envolvendo empresas para tentar manipular o mercado financeiro, ao induzir outras pessoas a comprarem ou venderem determinada ação, é um crime sério.

Caso o autor da fake news seja encontrado, ele pode ir a julgamento e cumprir uma pena de até 5 anos de prisão por cada acusação, além de multas que podem chegar a 5 milhões de dólares.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Sempre fui meio anarquista, quando descobri o Bitcoin me senti em casa ao participar das suas comunidades, desde então tenho tentado buscar e levar conhecimento.
Criptomoeda Dogecoin

Elon Musk curte que cinema planeja aceitar Dogecoin

Elon Musk curtiu uma publicação de que a maior rede de cinemas do mundo planeja aceitar Dogecoin como meio de pagamento, a rede AMC...

Presidente da SEC diz que criptomoedas só valem algo porque alguém vai querer comprar...

O Presidente da SEC, Gary Gensler, novamente voltou a falar sobre o criptomercado e sobre as moedas digitais. Desta vez Gensler demonstrou estar bem menos...
Binance sob pressão Brasil

Binance anuncia fim de negociações de derivativos na Austrália

A Binance é a maior corretora de criptomoedas do mercado global e com certeza um importante pilar para todo o setor. No entanto, com...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias