Falha pode ter feito corretora distribuir criptomoeda de graça

Várias Litecoins foram colocadas de forma errada na conta de alguns clientes! *Atualização em 05/05/2020 às 10:54.

Siga no
Corretora Brasileira Mercado Bitcoin
Corretora Brasileira Mercado Bitcoin - Imagem: Reprodução/Facebook

Alguns clientes que entraram na corretora Mercado Bitcoin na última segunda (4) podem ter detectado uma falha envolvendo a criptomoeda Litecoin (LTC). Vários clientes receberam moedas grátis da corretora, que fez a correção no mesmo dia do problema.

Contudo, a falha chegou a afetar o preço da criptomoeda Litecoin no Brasil. Cabe o destaque que o volume da corretora Mercado Bitcoin é um dos maiores do país.

Até que a falha fosse corrigida, as negociações com Litecoin ficaram interrompidas na plataforma. O problema, de acordo com a corretora, já foi resolvido e os clientes já estão com saldo normal.

Mercado Bitcoin alertou clientes sobre problema em redes sociais
Mercado Bitcoin alertou clientes sobre problema em redes sociais – Reprodução

Plataforma da corretora Mercado Bitcoin falha e negociações de Litecoin pressionam preço

Para comprar Litecoin no Brasil, os investidores interessados na moeda LTC podem recorrer a corretoras e até a P2P de confiança. Uma das plataformas mais usadas para isso é a Mercado Bitcoin, bastante utilizada e uma das mais antigas do Brasil.

Na última segunda (4), o preço do Litecoin era negociado em R$ 259 por unidade, quando uma falha no Mercado Bitcoin assustou alguns traders. De um momento para outro, o preço da moeda LTC despencou para cerca de R$ 200, uma queda de 20% em pouco minutos.

Preço do Litecoin despencou no Mercado Bitcoin após falha
Preço do Litecoin despencou no Mercado Bitcoin após falha – Reprodução

Contudo, o problema logo se mostrou local, com o restante do mundo ainda registrando o preço normalmente. O problema logo foi detectado, sendo interno da corretora Mercado Bitcoin. Assim que detectado, as negociações de Litecoin na corretora Mercado Bitcoin foram suspensos.

Trade de Litecoin teve que ser suspenso no Mercado Bitcoin
Trade de Litecoin teve que ser suspenso no Mercado Bitcoin – Reprodução

Ao final do dia, a corretora Mercado Bitcoin enviou nota ao mercado que os problemas haviam sido solucionados. O Mercado Bitcoin agradeceu aos clientes pela compreensão e reativou as negociações de Litecoin, com o preço da moeda voltando a subir para R$ 253.

Estamos de volta! Retomamos todas as nossas operações para Litecoin. Sendo assim, as operações, saques e depósitos estão funcionando normalmente a partir de agora. Agradecemos a todos pela compreensão e confiança no Mercado Bitcoin.

Nem todos mostraram confiança com o caso, clientes alegaram saldo errado após falha

A repercussão nas redes sociais foi grande, com rumores apontando até que o Mercado Bitcoin havia sido hackeado. Contudo, a corretora nega ter problemas dessa natureza e já normalizou as negociações.

Os clientes, entretanto, foram até as redes sociais para protestar contra um outro problema que os afetou. Após corrigir a falha nas negociações, clientes argumentam que o saldo de Litecoin na Mercado Bitcoin teria ficado errado.

O problema indica que a corretora enviou saldo de Litecoin para vários clientes, em valores vultuosos. Alguns ao ver a falha, alguns clientes venderam a mercado para tentar lucrar com o “airdrop“.

Contudo, um cliente comentou na rede social que seu saldo foi levado junto quando o Mercado Bitcoin efetuou a correção de saldo após a falha.

Cliente reclama que saldo de Litecoin existente foi tirado junto com o crédito extra
Cliente reclama que saldo de Litecoin existente antes da falha foi tirado com o crédito extra – Reprodução

O Livecoins entrou em contato com o Mercado Bitcoin para questionar o problema de saldo do cliente, que pode ter sido relacionado com a falha. Até o fechamento desta, ainda não haviam se posicionado.

*Atualização às 10:54: em nota, o Mercado Bitcoin afirmou que casos como os citados acima deverão procurar o suporte, pelo e-mail: atendimento@site.mercadobitcoin.com.br.

Os créditos indevidos foram estornados. Situações específicas como essa serão analisadas. Os clientes que tiverem casos semelhantes, precisam entrar em contato com a Central de Atendimento para que o MB possa identificá-lo melhor e assim responder ao caso.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Rússia pode reconhecer criptomoedas como propriedade

A Rússia tem uma história bem conturbada com relação as criptomoedas, desde projetos de lei que pretendiam criminalizar os ativos até a proposta de...

Justiça manda bitcoin.org revelar quantos bitcoins brasileiro tem

A justiça do Estado de São Paulo expediu um ofício ao Bitcoin.org, considerado o site oficial do Bitcoin no mundo todo. O caso aconteceu...
BlackFriday-Bitcoin

Bitcoin com 20% de desconto na Black Friday

O bitcoin estará à venda com desconto nesta Black Friday, quando se espera que bilhões sejam gastos em todos os tipos de produtos e...

Últimas notícias

Justiça manda bitcoin.org revelar quantos bitcoins brasileiro tem

A justiça do Estado de São Paulo expediu um ofício ao Bitcoin.org, considerado o site oficial do Bitcoin no mundo todo. O caso aconteceu...

Bitcoin com 20% de desconto na Black Friday

O bitcoin estará à venda com desconto nesta Black Friday, quando se espera que bilhões sejam gastos em todos os tipos de produtos e...

Por que o Bitcoin caiu $ 3.000 em poucas horas?

O Bitcoin não conseguiu superar seu preço histórico e caiu rapidamente de $ 19.500 para menos de $ 17.000. A moeda digital chegou enfrentar...