Golpe com Bitcoin em Brasília é destaque no Domingo Espetacular

Vários investidores ficaram apenas no lamento!

Siga no

O Bitcoin é uma moeda digital que realiza transações sem intermediários. Entretanto, como o tema é novo, um golpe utilizando o nome do Bitcoin aconteceu em Brasília, sendo destaque no Domingo Espetacular da Record na última semana.

O golpista ao conversar com as vítimas, apresentava altas taxas de retorno sobre investimentos. De acordo com a reportagem, em um dos casos, o golpista apresentou aos investidores que com apenas R$ 3 mil, o retorno poderia ser de R$ 900 mil. O alto retorno certamente chamava atenção, principalmente quando apresentado que este era possível em apenas 30 dias.

O golpista, que a reportagem chamou de “gênio precoce do estelionato”, viajou o mundo com o dinheiro dos investidores. Entretanto, alguns têm cobrado de Marlon Gonzalez Motta o dinheiro sumido, sendo este já sequestrado e espancado na rua.

Golpe em Brasília dizia utilizar Bitcoin e robôs de trade, destaque no último Domingo Espetacular

As investigações apontaram que Marlon criou uma empresa chamada M3 Private. Com isso, Marlon captava dinheiro dos clientes para investimentos em Bitcoin. Além disso, o suposto golpista também dizia ter robôs de trade que operavam na Bolsa de Valores brasileira, a B3.

O sucesso de Marlon em viagens pelo exterior foi um dos pontos que chamaram atenção dos clientes. Com muitas viagens pelo mundo, o rapaz demonstrava que a empresa era de sucesso.

Um dos clientes, que conhecia Marlon desde 2013, aportou cerca de R$ 50 mil na empresa. Entretanto, não conseguiu seu dinheiro de volta. Outro grupo de seis empresários investiram cerca de R$ 400 mil em Marlon. Estes também ficaram esperando pelos rendimentos, que nunca vieram.

O possível golpe que utilizava Bitcoin em Brasília, foi um dos destaques do último Domingo Espetacular. Os golpes aplicados por Marlon, com a M3 Private, chegam a ultrapassar os R$ 3 milhões. As vítimas não ficaram restritas apenas à Brasília, mas em outras cidades do Brasil e até do mundo.

Marlon se disse vítima de sequestro e espancamento

A vida de Marlon está sendo procurada por alguns clientes raivosos pelo Brasil. Um dos casos, dois empresários que haviam investido na empresa, sequestraram Marlon. O rapaz foi mantido refém, até que devolvesse cerca de R$ 152 mil para os clientes. Marlon levou o caso até a polícia, onde se disse vítima de extorsão. Os dois empresários foram identificados pela polícia e irão responder em liberdade ao caso.

Na última semana, a reportagem do Domingo Espetacular afirmou que Marlon foi espancado em Morro de São Paulo, na Bahia. A reportagem tentou entrar em contato com o suposto empresário de criptomoedas, mas não encontrou este.

O site da M3 Private, mesmo após a veiculação da reportagem, continua no ar. Por lá, a empresa se apresenta como uma “exchange de moedas digitais inovadora”. Além disso, a M3 Private apresenta o preço da unidade de Bitcoin em sua página inicial.

M3 Private, fundada por Marlon Gonzalez Motta pode ser um golpe
M3 Private, fundada por Marlon Gonzalez Motta pode ser um golpe

Conforme apurado pelo Domingo Espetacular, o jovem de apenas 23 anos continua a solta. Cerca de 20 pessoas já foram ouvidas pela polícia de Brasília. Nos últimos três meses, quatro inquéritos foram instaurados contra Marlon como estelionato (artigo 171), de acordo com o Delegado da Polícia Civil de Brasília. O caso agora vai para o Ministério Público. Finalmente, a mãe de Marlon defendeu o filho em contato com a reportagem. O caso, ainda sem desfecho, pode ser apenas mais um golpe com Bitcoin em solo brasileiro.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Idoso segurando Bitcoins aposentadoria

Empresa passa a oferecer aposentadoria com Bitcoin

Uma parceria entre três empresas do mercado de criptomoedas possibilitou a criação de um produto de aposentadoria com Bitcoin. Os planos de aposentadoria, normalmente chamados...

Líder de pirâmide com Bitcoin é solto e volta a aplicar golpes prometendo lucros

Mesmo depois de ter sido preso e indiciado pela Polícia Civil, o dono da pirâmide financeira "Medina Bank", Izaltino Medina Filho, de 60 anos,...

Modelo do Instagram vende seu “amor” em forma de criptomoeda

O mercado dos tokens não-fungíveis (NFTS) realmente se tornou uma grande moda nos últimos meses, sendo uma forma que muitos escolheram para vender peças...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias