Governo só fala de Bitcoin quando ele sobe, diz economista de El Salvador

Ele afirma que o governo está usando estratégias de marketing e divulgando informações apenas quando o preço do Bitcoin sobe.

Siga no
Luis Membreño. Foto Por Lissette Lemus
Luis Membreño. Foto Por Lissette Lemus

O economista Luis Membreño de El Salvador criticou o projeto de Lei do Bitcoin, implementado em seu país no dia 7 de setembro. Segundo ele, o governo está apenas gastando dinheiro e esforço, e poucas pessoas estão usando a criptomoeda no dia a dia.

Membreño também aproveitou o momento para fazer críticas a volatilidade da criptomoeda. Impedindo seu uso pela população e também mostrando-se insatisfeito com seu uso como reserva de valor pelo próprio governo que já possui 1.120 BTC em caixa.

Além disso, ele afirma que o governo está usando estratégias de marketing e divulgando informações apenas quando o preço do Bitcoin sobe.

Poucas pessoas estão utilizando o Bitcoin

O economista Luis Membreño afirmou ao jornal El Salvador que realizou uma pesquisa em vários comércios e que todos eles afirmam que usam Bitcoin poucas vezes, uma por semana, no máximo uma a cada três dias. Segundo ele, as pessoas ainda preferem utilizar o dólar para realizar pagamentos.

“Se as pessoas se sentem confortáveis ​​com o dólar, por que deveriam substituí-lo por algo tão volátil?”

Por conta disso, Membreño também comenta que o governo está apenas gastando dinheiro e esforço. Afinal o Bitcoin não está movimentando a economia do país e as pessoas só aceitam bitcoin porque são obrigadas.

O sucesso ou falha do Bitcoin em El Salvador está muito ligado as escolhas que o governo toma. Por conta disso, é importante notar que caso o governo falhe em algum ponto, como falta de educar seu povo, as pessoas farão com que o Bitcoin torne-se o vilão da história.

“É muito discutível se realmente houve ganhos ou não, porque quando compraram o primeiro Bitcoin, o preço caiu, agora no final de outubro ele saltou e dizem que hoje ganhamos, não é o caso, porque quando você compra, você usa, você não guarda, aí o que aconteceu: usaram e perderam e agora chegam a falar que ganharam, não é assim”, disse o economista.

Muito volátil

O economista salvadorenho também crítica o uso do Bitcoin como reserva de valor pelo governo. No total, o país já possui mais de 1.120 BTC em caixa e a sua volatilidade é preocupante.

Membreño também comenta que o governo apenas vai a público gabar-se de seus lucros quando o preço do Bitcoin está subindo. Quando seu preço cai abaixo do preço médio de compra, eles não falam nada.

Apesar das críticas do economista, é importante lembrar que El Salvador não tem muitas opções. Eles não possuem nenhuma influência sobre a moeda que usam, o dólar, bem como a criação de sua própria criptomoeda não atrairia investidores e também não teria uma infraestrutura global pronta para uso.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Há mais de 5 anos trabalhando com criptomoedas, hoje escrevo artigos e notícias para o Livecoins.

CEO da Binance se torna o chinês mais rico do mundo, diz site

Changpeng “CZ” Zhao, o famoso CEO da Binance, é um nome muito importante dentro do criptomercado e até mesmo na economia como um todo....
Criptomoeda do Facebook Diem e Libra

Facebook não vai mais proibir propagandas de criptomoedas

Desde o final da alta das criptomoedas em 2017 o Facebook e outras redes sociais limitaram ou até proibiram propagandas e conteúdo patrocinado sobre...

Homem é abordado na rua e obrigado a transferir bitcoins para assaltantes

Os crimes no criptomercado podem acontecer de diferentes maneiras, desde os roubos realizados em golpes digitais até mesmo roubos físicos. A polícia de São...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias