Bitcoin em risco? Grave vulnerabilidade encontrada na Lightning Labs foi explorada

CTO do projeto alerta usuários para que atualizem para nova versão urgente!

-

Siga no
Grave vulnerabilidade encontrada na Lightning Labs foi explorada
Grave vulnerabilidade encontrada na Lightning Labs foi explorada
Anúncio

Uma empresa que é responsável pelo desenvolvimento de uma aplicação Lightning Network (LN), rede alternativa para o Bitcoin, está enfrentando problemas com uma vulnerabilidade encontrada. De fato, a rede conhecida como Lightning Network é uma camada de transações alternativa, mas que ainda está exposta a riscos.

O CTO do projeto Lightning Labs, Olaoluwa Osuntokun, inclusive alerta para os atuais riscos do software. Um e-mail foi enviado para os Lightning Devs alertando para alterações de correção no software, que deve ser atualizado urgente. Quem estiver com canais e nodes nas versões antigas correm sérios riscos com seus BTCs.

De fato, a versão do LND foi atualizada com correções, sendo lançada a versão 0.7.1. Todas as versões anteriores a esta deverão ser desconsideradas devido à vulnerabilidade encontrada.

Vulnerabilidade do software Lightning Labs foi explorada

Anúncio

A camada de transações Lightning Network possui várias implementações sendo conduzidas atualmente. Uma delas, cofundada por Elizabeth Stark, é a Lightning Labs. Stark é a atual CEO deste projeto, que é uma das principais aplicações Lightning para o Bitcoin.

Cabe o destaque que a LN desenvolvida pela Labs encontrou uma grave vulnerabilidade nos últimos dias. Nela, agentes maliciosos possivelmente conseguiram escapar com alguns Bitcoins da rede. Entretanto, não foi divulgado a extensão do rombo causado pelos atacantes. A exploração da falha foi confirmada pelo CTO, Olaoluwa Osuntokun, em seu Twitter no último dia 10 de setembro. Tal vulnerabilidade havia sido confessada no último dia 31 de agosto pelo CTO da Labs.

Essa vulnerabilidade explorada no software da Lightning Labs coloca em cheque a tecnologia alternativa à rede Bitcoin. Isso porque, como solução alternativa para transações, espera-se que esta mantenha a segurança característica do Bitcoin. Com uma vulnerabilidade grave, esta deverá certamente ser mais testada antes de uma possível adoção em massa do Bitcoin.

Cabe o destaque que o Bitcoin não está em risco com a descoberta da vulnerabilidade. Isso porque a rede da moeda é outra, sendo a LN apenas uma alternativa, ainda em testes, para solucionar problemas de escalabilidade e custos de transações com Bitcoin.

Brasil possui apenas 7 nodes da Lightning Network

De acordo com dados do 1ml, o Brasil possui apenas 7 (sete) nodes atualmente. Isso daria cerca de 0,12% da quantidade mundial de nodes da LN.

Além disso, apenas 50 canais da Lightning Network estão abertos no país. De fato esta quantidade representa apenas 0,14% da quantidade mundial.

Apesar de ser um tema novo no criptomercado, a LN é uma esperança para os fãs do Bitcoin como meio de pagamento. A explicação seria porque com essa camada 2, transações passem a ser mais rápidas e baratas. Até lá, os softwares que dão suporte a essa tecnologia terão que evoluir e passar confiança, sendo recomendado manter pouca quantidade de Bitcoin neste espaço.

Finalmente, o país que é destaque neste campo é os EUA, que possui mais de 430 Bitcoins na camada Lightning Network. Além disso, a quantidade de nodes no país ultrapassa os 15% da capacidade mundial.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

CoinMarketCap dando criptomoeda concorrente da IOTA

O campo das criptomoedas segue em alta em 2020 e muitos projetos promissores têm surgido. Para divulgar uma nova promessa, o CoinMarketCap está dando...

EUA multa serviço de Mixer de Bitcoin em U$ 60 milhões

Em uma decisão única e que pode abrir uma série de precedentes para o futuro, a FinCEN, órgão dos EUA responsável por combater crimes...

Brasileiro é acusado de fraudar programa de recompensas de criptomoeda

Um brasileiro foi acusado de ter fraudado um programa de recompensas da criptomoeda Monero, na acusação, Everton Melo teria copiado a análise de outro...