Grupo Bitcoin Banco pagou R$ 50 milhões para quatro mil saques em 15 dias

Contas bloqueadas na investigação da fraude denunciada no dia 24 estão sendo liberadas sem prejuízo para os clientes

Siga no

Desde o dia 20 de maio até esta terça-feira, 4 de junho, o Grupo Bitcoin Banco (GBB) pagou aos seus clientes cerca de quatro mil saques entre reais e Bitcoin, no total de R$ 50 milhões, o que equivale a mais de R$ 3 milhões por dia, pela cotação do dia do BTC, segundo o Icoinomia.

“Esse volume de pagamentos é fruto do trabalho incansável de uma força tarefa montada pela empresa para regularizar pagamentos que estão pendentes por causa da investigação sobre a fraude que o grupo sofreu no mês passado e que foi denunciada à Polícia Civil no dia 24, resultando na abertura de inquérito”, explica o presidente do GBB, Johnny Pablo dos Santos.

Desde o início das investigações da ação criminosa que lesou a empresa em cerca de R$ 50 milhões, foram analisados 3 milhões de registros e identificadas cerca de 20 mil transações suspeitas de fraude, tendo como resultado o bloqueio de 2.568 contas para análise. Menos de 24 horas após iniciado o bloqueio dessas contas, 1.600 delas já foram liberadas.

“Entendemos que essa ação gera transtorno para nossos clientes. Por isso reembolsamos 200 clientes que tiveram suas contas posicionadas em BTC bloqueadas, por causa da variação do valor da criptomoeda”, diz Santos.

A equipe formada para gerenciar as consequências da fraude trabalha dia e noite para regularizar todas as situações, para garantir que os clientes não tenham prejuízos e para dar transparência ao conjunto de ações mitigadoras.

Nesta terça à tarde, foi divulgada a lista de saques em BTC realizados desde o dia 20. As informações estão disponíveis na tela temporária que já vinha informando os saques em reais e que pode ser vista no link http://negociecoins.com.br/pending-withdraw.

“Em todos os anos de existência das plataformas do GBB, nossos clientes tiveram grandes vantagens no mundo das criptomoedas. Esse é o nosso compromisso: trabalhar para continuar a oferecer os melhores serviços do Brasil”, acrescenta o presidente do Grupo.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Fundador do Livecoins. Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org

Axie Infinity não pagará mais jogadores iniciantes

Axie Infinity ainda é um dos grandes sucessos dos jogos blockchain, representando uma oportunidade para muitos conseguirem ganhar enquanto jogam. No entanto, novas mudanças...
Bitcoin e criptomoedas em ETF

NASDAQ indica que ETF de Bitcoin pode ter sido aprovado, preço dispara

Os investidores de Bitcoin tem aguardado ansiosamente por uma possível aprovação de um ETF de Bitcoin, o que poderia fazer o preço do ativo...
Fim de jogo, Game-Over

Steam bane jogos de criptomoedas e NFTs

Em página voltada a desenvolvedores de jogos, a Steam adicionou uma cláusula que proíbe a adição de jogos que sejam criados em blockchains, bem...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias