Após comprar NFT de sapo por R$ 2 milhões, homem se revolta e processa coleção

Após comprar imagem de Pepe Raro por US$ 500 mil, investidor viu imagens serem dadas para outras pessoas e se revoltou.

Pepe, o Sapo
Pepe, o Sapo

Um leilão de um NFT de um raro Pepe, o Sapo, foi vendido para um comprador por R$ 2,7 milhões, mas ele se revoltou com sua compra. O caso agora parou nos tribunais dos Estados Unidos.

O meme “Pepe, o Sapo” surgiu em um livro chamado Boy’s Club, mas ganhou fama mesmo em fóruns da internet e acabou criando uma legião de fãs, principalmente após 2008. Criado por Matt Furie, esse livro conta histórias e travessuras de 4 amigos, sendo Pepe um deles e talvez o mais famoso.

Com essa fama, o autor do livro procurou se inteirar sobre o mercado de criptomoedas, lançando então uma coleção NFT chamada Pegz. Essa coleção de 100 Pepes raros também dá acesso aos compradores ao chamado PegzDAO.

De qualquer forma, a coleção se vê agora com problemas a serem resolvidos na justiça.

Após leilão de NFT do Pepe, comprador se revolta ao ver distribuição de imagens similares

Um processo na Califórnia chamou a atenção nos últimos dias, ao ser protocolado por um investidor que pagou US$ 537 mil em um NFT do Pepe, o Sapo, em um leilão público.

O processo protocolado pelo investidor revoltado indica que houve crime de indução fraudulenta, deturpação intencional e negligente, concorrência desleal e atos e práticas comerciais ilegais, violação de contrato, violação do pacto implícito de boa fé e negociação justa e enriquecimento sem causa.

E tudo isso porque Matt Furie, Chain/Saw LLC e PegzDAO o induziram a comprar um Pepe raro por US$ 537 mil em um leilão, dizendo que esse item era único e exclusivo, detendo um grande valor de mercado. Na conversão do Dólar para Real hoje, ele pagou R$ 2,7 milhões pelo NFT.

Contudo, dias após a compra promissora, a coleção distribuiu outros 46 Pepes iguais no mercado, gratuitamente para outras carteiras. Dessa forma, o investimento de R$ 2,7 milhões caiu para menos de R$ 150 mil, um gigantesco prejuízo alegado pelo investidor.

“Como resultado da conspiração e conduta ilícita dos Réus, o Autor sofreu danos no valor de mais de $507.084,00 quando o valor do NFT que ele comprou do leilão por $537.084,00 caiu para menos de $30.000,00 após o desembolso dos Réus de 46 Pepe NFTs idênticos gratuitamente.”

Investidor quer que NFTs sejam recolhidos do mercado

No processo que o Livecoins teve acesso, chama atenção que o autor do processo pede a restituição de US$ 500 mil que ele registrou de prejuízo da equipe que lançou a coleção NFT do Pepe.

Além disso, ele espera que os 46 NFTs distribuídos sejam recolhidos pelos criadores da coleção, pois houve uma quebra de contrato, segundo sua defesa.

“O autor, portanto, pede a restituição da diferença entre o que ele pagou pelo Pepe NFT e o valor real do Pepe NFT, uma vez que 46 Pepe NFTs idênticos foram liberados gratuitamente. Alternativamente, o Autor busca uma ordem exigindo que Furie, Pegz, & Chain/Saw coletem os 46 Pepe NFTs liberados livremente e os retirem de circulação, conforme originalmente representado”.

A empresa da coleção de NFTs do Pepe deverá responder ao processo agora, que está em fase inicial na justiça.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias