Homem usa facão e barra de chocolate para roubar bitcoins de vítima

John-Ross Rennie, um escocês de 29 anos, foi condenado nesta terça-feira (28) por estar envolvido em roubo presencial de Bitcoin. Segundo a BBC, Rennie era o cérebro da operação na qual os criminosos invadiram a casa da vítima armados com um facão e uma barra de chocolate da marca Toblerone, obrigando que ela transferisse suas criptomoedas.

Informações do processo mostram que o grupo roubou 23,5 bitcoins, equivalentes a R$ 675.000 na data do crime, março de 2020. Hoje a mesma quantia está avaliada em R$ 4,4 milhões devido à valorização do Bitcoin nos últimos 3 anos.

De qualquer forma, o escocês não foi preso, sendo condenado a cumprir apenas 150 horas de serviço comunitário, além de passar 6 meses sobre supervisão.

Irmão da vítima foi acordado com facão, mulher foi espancada com barra de chocolate

Roubos de criptomoedas são comuns na indústria. Anualmente, diversas corretoras e usuários mais desatentos com sua segurança relatam terem sofrido esse tipo de crime.

No entanto, o caso que aconteceu na Escócia é mais raro por se tratar de um roubo presencial. Para deixar a história ainda mais perturbadora, o irmão da vítima afirma ter sido acordado com um facão por um dos bandidos.

Já uma mulher que também estava na casa teria sido espancada com uma “barra de Toblerone personalizada”. Embora não fique claro o que seria a personalização desse objeto, o nome se refere a um famoso chocolate suíço em formato triangular.

Toblerone, famoso chocolate suíço. Foto de Safwan C K/Pexels.
Toblerone, famoso chocolate suíço. Foto de Safwan C K/Pexels.

Ao abandonar a residência, já com os bitcoins em suas carteiras, os criminosos fizeram o gesto de “cortar a garganta” com a barra de Toblerone ensanguentada enquanto guiavam um automóvel da marca Audi.

Homem envolvido no roubo não foi para a prisão

Considerado como a mente do roubo pela mídia local, John-Ross Rennie teria recebido os bitcoins em sua carteira, tendo gasto parte deles, sendo essa a prova de seu envolvimento. No entanto, declarou-se inocente, afirmando não ter relação com o crime. Rennie foi condenado a apenas 150 horas de serviço comunitário.

“Tendo originalmente enfrentado uma acusação de roubo enquanto agia com terceiros, você foi considerado culpado de roubo de uma quantidade de criptomoeda, ou seja, 23,5 bitcoins acordados em seu nome no valor de £ 109.601,46 no momento da transferência para sua conta de Bitcoin”, aponta a decisão judicial.

As outras três pessoas que invadiam a casa da vítima não foram identificadas. Segundo a mídia local, a vítima também não estava com “as mãos limpas”, tendo acusações de praticar golpes na internet. Sua identidade também não foi revelada. Os bitcoins não foram devolvidos à vítima.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias