Interesse por Shiba Inu cai pelo quarto mês consecutivo

Cão da raça Shiba Inu triste.
Cão da raça Shiba Inu triste.

O interesse pela Shiba Inu (SHIB) está marcado por uma queda pelo quarto mês consecutivo, acompanhando o declínio de seu preço que já caiu 72% desde seu topo histórico em outubro quando, impulsionado pela alta do Bitcoin, chegou a ser uma das 10 maiores criptomoedas do mercado.

Além deste marco, a Shiba Inu (SHIB) também ultrapassou a maior e mais antiga moeda meme, a Dogecoin (DOGE), por capitalização de mercado na data. Entretanto, hoje a DOGE, também em queda forte, reassumiu seu posto.

O baixo interesse pela Shiba pode ser avistado por diversas métricas como volume e número de transações, bem como por pesquisas no Google, tanto no Brasil quanto no mundo.

A queda de um meme (ou vários)

Com o Bitcoin passando três meses no vermelho, revertendo sua situação em fevereiro, as criptomoedas alternativas foram as que mais sofreram com isso. Além da queda de preço, outras métricas apontam que o interesse em altcoins, que não fazem sentido em existir, está desaparecendo, em especial pela Shiba Inu.

Apesar de ainda possuir uma capitalização de mercado de 13 bilhões de dólares e ocupar a 15ª posição do mercado de criptomoedas, a Shiba Inu parece um cachorro abandonado após deixar de ser filhote.

Dados do Bloxy apontam que a Shiba Inu (SHIB) está em uma queda vertiginosa tanto em volume quanto número de transações nos últimos quatro meses.

Transações e volume de SHIB em declínio. Fonte: Bloxy.info

A moeda meme que explodiu em 2021 chegou a ultrapassar o Bitcoin nas buscas mundiais do Google, quando seu preço estava no topo, agora não mais atrai a atenção do público. Tal fato pode ser constatado no gráfico abaixo.

Buscas por Shiba e Bitcoin no Google. Fonte: Google Trends.

Devido à diminuição da demanda — de uma criptomoeda que não serve para nada — seu preço refletiu este declínio. No momento, o preço da Shiba Inu está 72% abaixo de seu topo histórico, correlacionado a pico de buscas pela moeda.

Com isso, nem mesmo a tentativa de aproveitar o hype do metaverso resultou em grandes mudanças em seu preço. Afinal, após uma breve alta, seu preço voltou a despencar.

Por fim, muitos perderam dinheiro enquanto poucos ganharam. Além disso, moedas memes que tentaram seguir seu legado também não andam muito bem. Como exemplo, a maior perdedora de hoje é a Spook Inu (SINU), marcada por uma queda de 100% (uma desvalorização total) em seu preço.

Memecoin irmã da Shiba Inu é a maior perdedora do dia. Fonte: CoinMarketCap

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias