Lojas Calvin Klein aceitando Bitcoin no Brasil

Uma gigante do varejo mundial aceitando BTC!

-

Siga no
Anúncio

Algumas lojas da Calvin Klein passaram a aceitar o Bitcoin como forma de pagamento, apenas na cidade de São Paulo por hora, mas um método de pagamento ainda exclusivo no Brasil.

As lojas que passaram a aceitar o método de pagamento são as unidades da Oscar Freire, e nos pontos Shopping Morumbi, Iguatemi e JK Iguatemi.

A modalidade de pagamento surgiu em parceria da exchange brasileira FoxBit com a empresa Cloudwalk.

Anúncio

Com a parceria das empresas para atender a Calvin Klein, foi resolvido o problema da volatilidade do ativo digital com a conversão instântanea em moeda fiat, com a expectativa de toda a operação demorar menos de 1 minuto.

A empresa irá criar um QRCode para o cliente realizar a leitura do endereço, e então realizar o pagamento. Por ser na modalidade QR o pagamento não possui custos extras que normalmente ocorre com transações bancárias.

Uma das vantagens para a Calvin Klein ainda é que as máquinas utilizadas para receber o Bitcoin serão as mesmas que já recebem cartões, ou seja, não será necessário mexer na infraestrutura da empresa para aceitar a nova modalidade de pagamento.

“Aceitar criptomoeadas como forma de pagamento em nossas lojas foi uma evolução natural, pois se trata de uma realidade para uma grande parcela dos nossos clientes aqui no Brasil. Fomos pioneiros“, comenta Fábio Vasconcellos, CEO da Calvin Klein no Brasil.

A Foxbit é uma fintech sediada na cidade de São Paulo, que trabalha com a compra e venda de Bitcoins em sua plataforma.

“A Foxbit e Cloudwalk estão revolucionando a indústria de pagamentos e o ecossistema global da criptoeconomia com essa solução e é muito bom contar com uma marca internacional de tanto prestígio como a Calvin Klein como primeira parceira”, afirma o CEO da Foxbit, João Canhada.

Já a CloudWalk é uma empresa que fornece opções de pagamentos diversas, e irá ajudar com o gateway de pagamento para as lojas.

“A Cloudwalk é uma adquirente digital e temos como missão aceitar todos os meios de pagamentos, inclusive os criptoativos, em nossas soluções. Somos parceiros da Foxbit desde 2014 e muito felizes de desenvolver esse produto que é pioneiro na indústria em escala global”, afirma Luiz Silva, CEO e co-founder da Cloudwalk.

Em um estudo publicado no dia 12 de dezembro pela Universidade de Cambridge, o número de usuários de criptomoedas quase dobrou em 2018, o que mostra que o aceite da Calvin Klein pode ser só o começo da mudança.

Um recente relatório da Weiss Ratings aponta que é o melhor momento que as pessoas poderiam comprar Bitcoin.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

Bitcoin bate novo recorde e capitalização total do mercado cripto ultrapassa US $ 400 bilhões

O Bitcoin continua batendo recordes em 2020, com seu valor chegando aos 13.500 mil dólares na madrugada desde domingo (25).  A maioria das criptomoedas...

Reality Show de startups terá palestra sobre blockchain

Um Reality Show voltado ao público de startups está promovendo uma série de debates públicos sobre tecnologia a inovação. Uma das palestras terá a...

“Se você acha que imposto é roubo, chama a polícia”, diz Kim Kataguiri

Em um entrevista para o canal Letícia Shirakiin, o Deputado Federal Kim Kataguiri foi questionado se imposto é roubo. A resposta veio em tom de...