Menino de 14 anos é sequestrado após falar de bitcoin em redes sociais

Durante as negociações, os criminosos aceitaram apenas £ 900, que deveriam ser pagos assim que os criminosos chegassem com o veículo na casa da vítima.

Siga no

Você provavelmente já ouviu que é preciso ter muito cuidado onde você fala que tem Bitcoin, não é mesmo? Ao falar em redes sociais ou até mesmo entre amigos, é importante tomar cuidado, pois você pode se tornar o alvo de diferentes criminosos.

No Reino Unido, um jovem de 14 anos foi vítima de um sequestro relâmpago após ter divulgado nas redes sociais que tinha ganhado dinheiro com Bitcoin. As informações são do The Guardian. 

O jovem de apenas 14 anos, que não pode ser nomeado por questões legais, foi confrontado do lado de fora de um restaurante em Bradford, a ação aconteceu em maio, mas o caso foi divulgado apenas esta semana. Segundo o que foi informado durante o julgamento, o jovem foi atacado, teve sua boca tapada e foi socado antes de ser colocado no banco de trás de um Toyota Auris.

Jovem sequestrado

O dono do veículo, Muhammed Khubaib, é suspeito de ser o mandante do crime. Ele trancou o carro com o garoto preso entre dois homens no banco de trás. Khubaib, de 22 anos agrediu o jovem de 14 anos usando uma luva cheia de areia.

De acordo com a promotoria os sequestradores falaram que a vítima deveria ligar para a sua mãe e dizer a ela que deveria pagar um resgate de £ 10.000 ou ela não veria mais o filho.

A mãe do garoto descreveu durante o julgamento que ela contada pelos criminosos que exigiam o pagamento do resgate em dinheiro vivo. A mãe da vítima também descreveu que seu filho chorava na ligação enquanto ela se comunicava com os criminosos.

Durante as negociações, os criminosos aceitaram apenas £ 900, que deveriam ser pagos assim que os criminosos chegassem com o veículo na casa da vítima.

Eles chegaram, pegaram o dinheiro e deixaram o jovem de 14 anos. O caso foi relatado à policia e Khubaib foi preso dias depois.

Redes sociais

O juiz do caso Richard Mansell afirmou que o jovem foi “claramente visado” por causa de suas publicações em redes sociais. Ele afirmou que os criminosos o sequestraram após verem postagens sugerindo que ele tinha feito uma “certa fortuna” com o investimento em Bitcoin e outras criptomoedas.

Com isso, é importante sempre tomar cuidado com onde você divulga seus ganhos. De preferência, nunca fale para ninguém que você tem criptomoedas ou objetos de valor.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Criptomoeda do Facebook Diem e Libra

Facebook não vai mais proibir propagandas de criptomoedas

Desde o final da alta das criptomoedas em 2017 o Facebook e outras redes sociais limitaram ou até proibiram propagandas e conteúdo patrocinado sobre...

Homem é abordado na rua e obrigado a transferir bitcoins para assaltantes

Os crimes no criptomercado podem acontecer de diferentes maneiras, desde os roubos realizados em golpes digitais até mesmo roubos físicos. A polícia de São...

Novo recorde: Terreno em Metaverso é vendido por R$ 24 milhões

Poucos dias após a negociação de um terreno por cerca de R$ 17 milhões, uma negociação entre a Republic Realm e a Atari resultou...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias