Mercado Pago atinge 1 milhão de clientes de criptomoedas

Empresa do Grupo do Mercado Livre registrando rápido crescimento da base de usuários.

Aplicativo do Mercado Pago para compra e venda de criptomoedas
Aplicativo do Mercado Pago para compra e venda de criptomoedas /Reprodução

O Mercado Pago anunciou nesta quinta-feira (3) que sua base de clientes de criptomoedas já alcançou 1 milhão de pessoas, em quase três meses desde que entrou no mercado de ativos digitais.

Parte do Mercado Livre, a fintech argentina tem no Brasil uma de suas maiores bases de clientes no mundo. Dessa forma, a compra e venda de criptomoedas pelo aplicativo chegou primeiro no Brasil, ainda em 2021.

Compras de Bitcoin a partir de R$ 1,00 foram liberadas no dia 2 de dezembro de 2021, para todos os clientes interessados. Pelo aplicativo da empresa é possível apenas comprar e vender, além de reservar criptomoedas, visto que opções de saques e depósitos ainda não foram habilitadas para clientes.

Mercado Pago atinge 1 milhão de clientes de criptomoedas

O crescimento da base de usuários de corretoras no mercado de criptomoedas demorou alguns anos até que os primeiros negócios atingissem 1 milhão de usuários. Contudo, em quase 3 meses, a empresa Mercado Pago comemora atingir essa marca de clientes, se mostrando entusiasmada pelo rápido crescimento.

Em parceria com a Paxos, esse serviço tem como missão levar aos brasileiros a opção de comprar, vender e reservar criptomoedas, além de informações sobre o mercado.

Tulio Oliveira, vice-presidente do Mercado Pago, comentou que essa rápida ascensão da maior fintech da América Latina no mercado de criptomoedas mostra que pessoas tem mais interesse nas moedas que em ações na bolsa de valores.

“Temos observado uma democratização real, com usuários começando a operar a partir de pequenas quantias, e passando a experimentar as criptomoedas pela primeira vez. Vemos um potencial muito grande de inclusão financeira e daremos todo apoio em termos de solução e educação financeira para ajudar a melhorar a vida das pessoas”.

Em 2021, o Mercado Livre anunciou haver comprado Bitcoin como reserva de valor, uma das primeiras empresas latinas listadas em bolsa a fazer tal movimento.

Campanha “CriptoAnimais”

Para chamar atenção dos clientes com bom humor para esse novo mercado apoiado pelo Mercado Pago, foi iniciada a campanha “CriptoAnimais”.

A intenção é utilizar os animais que estampam as moedas brasileiras para brincar com situações de compras de criptomoedas.

Um dos filmes, por exemplo, mostra dois irmãos de uma família de Araras conversando sobre estarem comprando criptomoedas no Mercado Pago e se preocupam com a reação da mãe, que está empoleirada na nota de R$ 10 há anos.

A campanha em massa abrange aparecer na Televisão, Rádios, Sites, influencers digitais e deverá receber mais filmes em breve.

Iuri Maia, head de branding do Mercado Pago, explicou que o futuro do dinheiro está simplificando a vida das pessoas, então a comunicação deve acompanhar o movimento.

“Exploramos o tema com humor e de forma leve para apresentar ao grande público o mundo cripto em uma narrativa que engaja de maneira simples, mostrando que nossa experiência é perfeita para quem está começando. Além disso, nossa campanha trará um aprofundamento com conteúdos educacionais. O futuro do dinheiro está logo aí para simplificar a vida das pessoas. E a comunicação também deve seguir o mesmo caminho, trazendo inclusive de forma muito transparente todas as oportunidades e riscos desse novo universo”.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias