Caminhoneiros do Canadá recebem doações em Bitcoin e apoio de Elon Musk

Com essa nova campanha e com apoio de vários grupos antivacina, o movimento dos caminhoneiros já arrecadou cerca de 16 bitcoins, avaliados em US$ 700 mil, de 4.877 doadores ao redor do mundo.

O movimento de caminhoneiros no Canadá, chamado de “Freedom Convoy”, tem sido criticado por muitos, mas vem recebendo apoio de outros ao redor do mundo. Após ter tido a campanha no GoFundMe bloqueada, o movimento começou a receber doações em Bitcoin, levantando US$ 700 mil até o momento.

O comboio de caminhoneiros começou em Ottawa e foi formado como uma oposição nacional contra os mandados de vacinação para caminhoneiros que entram no Canadá vindo dos Estados Unidos.

Quando o movimento aumentou, ele passou a representar uma manifestação que é contra restrições da pandemia.

Com isso o “Freedom Convoy” ganhou mais participantes e fez com que movimentos similares começassem a surgir em outras cidades do país. Recentemente o grupo estava tentando receber financiamento através do GoFundMe, recebendo cerca de US$ 10 milhões em doações.

No entanto, autoridades locais exigiram que a plataforma bloqueasse a companha, evitando que o dinheiro fosse para os organizadores do movimento antivacina.

Movimento começou a receber bitcoins

Com o bloqueio da campanha do GoFundMe, o YouTuber BTC Sessions decidiu criar uma campanha de financiamento coletivo através da plataforma nativa para campanhas de Bitcoin Tallycoin.

Com essa nova campanha e com apoio de vários grupos, o movimento dos caminhoneiros já arrecadou cerca de 16 bitcoins, avaliados em US$ 700 mil, de 4.877 doadores ao redor do mundo.

Com a natureza do Bitcoin e da blockchain, é impossível impedir que o dinheiro doado através da plataforma seja bloqueado como aconteceu com o GoFundMe. Ele vem recebendo apoio de vários lugares, com pessoas agradecendo pelo movimento.

Elon Musk

Entre a lista de doadores temos nomes grandes como Jesse Powell, CEO da Kraken, que enviou um bitcoin para ajudar no movimento, ainda afirmando que acredita que as restrições impostas pelo governo do Canadá são imorais.

O grupo recebeu apoio até de Elon Musk, via Twitter, que afirmou que as criptomoedas “não podem ser paradas”. No final de janeiro, Musk também twittou : “Regras dos caminhoneiros canadenses”.

Os fundos doados agora estão atualmente sendo guardados em uma carteira multisig controlada por diferentes pessoas, incluindo BTC Sessions e envolvidos com a organização do movimento em Ottawa.

Mas não é só movimentos assim que ganharam apoio do ecossistema do Bitcoin, com a Cruz Vermelha tendo aceitado bitcoins para ajudar no combate da pandemia durante as piores fases dessa crise.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias