Netflix vai produzir série sobre casal que lavou R$ 23 bilhões em Bitcoin

Crocodilo de Wall Street em breve na Netflix

Recentemente um caso do criptomercado chamou bastante atenção não só por causa de uma fraude com valores bilionários, mas por causa de um casal bem excêntrico que está envolvido com todu, principalmente com uma golpista que se intitula “Crocodilo de Wall Street”, mas é chamada de “cringe” por muitos outros.

A história do casal, que foi uma das maiores desta semana, é realmente chamativa e ainda complementa parte do mistério do hack da Bitfinex, um dos maiores da história.

Toda essa história, envolvendo um valor de US$ 4,5 bilhões, duas pessoas extremamente excêntricas e uma investigação complexa parece um caso de um grande filme, não é mesmo? E a Netflix não quer perder tempo.

A rapper, empreendedora e golpista Heather Morgan. A história dela agora vai virar série na Netflix.

Crocodilo de Wall Street em breve na Netflix

De acordo com o Yahoo, a Netflix, uma das maiores empresas de streaming do mundo, encomendou uma série documental sobre o casal que foi preso no começo desta semana acusados de fraude.

Por enquanto a série não tem data da estreia, no entanto, já há um nome importante envolvido.

Chris Smith, que dirigiu a série FYRE: Fiasco no Caribe e o super sucesso Máfia dos Tigres, será produtor executivo e diretor da série, Nick Bilton também será produtor executivo da série, ele é conhecido pelo Fake Famous – Uma Experiência Surreal nas Redes e também é escritor do livro American Kingpin: The Epic Hunt for the Criminal Mastermind Behind the Silk Road, que descreve toda a investigação que levou a prisão de Ross Ulbricht, o criador da Silk Road.

Maior apreensão de Bitcoin nos EUA

O caso realmente tem uma proporção gigantesca, com o departamento de justiça afirmando que o esquema foi o maior caso de crime financeiro na história dos EUA.

Até o momento, as autoridades conseguiram apreender mais de US$ 3,6 bilhões em criptomoedas ligadas ao ataque hacker de 2016 contra a corretora Bitfinex.

Lichtenstein e Morgan, os dois acusados de lavagem de dinheiro e fraude podem ser condenados a um máximo de 20 anos de prisão, além de poderem ser condenados por conspiração para fraudar os Estados Unidos, mais cinco anos de prisão.

Enquanto isso o julgamento e a investigação continuam, com a defesa do casal afirmando que o caso contra eles é “bem fraco”.

Com isso é um pouco difícil saber o que pode acontecer no futuro com os dois, mas sem dúvidas esse é um dos casos mais curiosos do setor.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias