A mineração é a essência das criptomoedas, pois é a partir desse processo que se mantém a segurança e a confiança de uma cripto. Mas para falar de Pools, primeiro precisamos saber como a Mineração funciona.

A mineração nada mais é que a validação de uma transação. Quando o minerador se conecta à rede da cripto, ele recebe as transações para serem validadas, esse processo é feito através de cálculos. Quem completar os cálculos é recompensado com uma ação e é responsável por adicionar um novo bloco à Blockchain. Há alguns anos essa adição de blocos era bastante simples, pois a dificuldade das criptomoedas era bem baixa, mas hoje com várias máquinas tentando resolver as transações a dificuldade aumentou.

Com a crescente procura por criptomoedas a mineração em casa foi trocada por grandes “fazendas” de mineração. E é nesse contexto que as “Pools de mineração” entram visando fazer com que qualquer pessoa possa minerar qualquer criptomoeda.

As Pools, ou piscinas, são formadas quando um número de mineradores se reúnem para um único propósito de mineração de uma ou várias criptomoedas. Soma-se o poder de mineração de todos os participantes em cooperação para se encontrar de forma mais rápida o resultado da equação e receber a recompensa, que no caso da pool é divida com todos os mineradores de acordo com a contribuição de cada um.

O que é a dificuldade?

A dificuldade é um fator muito importante na mineração, mas é bem simples de entender. Basicamente é o número de pessoas que se têm minerando em uma criptomoeda.

Por exemplo, imagine uma piscina onde apenas duas pessoas estão retirando água com bombas. Essas pessoas irão retirar muita água, pois são poucas bombas. Agora se mais pessoas começam a retirar água dessa mesma piscina, as bombas irão retirar menos águas. Ou seja, quando se têm poucas pessoas minerando a dificuldade é baixa, do contrário, alta.

Multi Pools e Pools únicas

As pools únicas, como o próprio nome sugere, são as que estão explorando apenas uma única criptomoeda. Já as multi pools dão ao usuário a opção de minerar qualquer cripto disponível podendo mudar a qualquer momento.

Recompensas

As recompensas variam de moeda para moeda, onde as recompensados só são distribuídas quando o bloco é adicionado com sucesso na Blockchain. Aqui alguns modos de recompensas seguidas pelas pools:

Pagamento por ação (PPS): é a estrutura de recompensa mais comum. O pagamento é realizado de acordo com a contribuição feita pelo usuário.

Full-pay-per-share (FPPS): é semelhante ao PPS, mas a diferença é que a taxa de transação também é adicionada à recompensa do bloco ao longo de um tempo e depois distribuída aos mineradores.

----- Publicidade ------ 
BitcoinTrade
-----

Proporcional (PROP): Após o término do bloco, os usuários são recompensados e proporcionalmente ao número de ações que ele possui na pool e ao total de ações na cripto minerada.

Pagamento Máximo Compartilhado por Ação (SMPPS): A recompensa é semelhante ao PPS, mas limita o pagamento a um número máximo que a pool ganhou.

Pagamento Máximo Compartilhado Equalizado (ESMPPS): Aqui todos os usuários recebem partes iguais seguindo a regra SMPPS. Bem, há mais na lista, como o pagamento máximo compartilhado por ação recente, o pagamento limitado por ação, a Mineração Agrupada de Bitcoin, etc. Além disso, uma pool genuína cobrará de 1% a 3% das taxas.

As maiores Pools

Atualmente a maior pool de mineração detêm 27,5% de todo o poder de mineração da rede Bitcoin. A alguns anos uma empresa chegou perto de deter mais de 50% da rede, mas como isso poderia afetar muito o preço do Bitcoin, foi necessário a saída de mineradores e a perda de Hash. Recomendo a leitura de Ataque 51% em Altcoins e o que isso pode causar na rede de uma cripto aqui 35 milhões de Verge (XVG) são roubados em ataque de 51%.

Fontes: How do cryptocurrency mining pools work / Guia do Bitcoin / O que são as Piscinas de Mineração / O que é o grau de Dificuldade na Mineração

Segurança e Liquidez para operar suas moedas digitais.
Baixe agora nosso aplicativo para iOS e Android
Siga também o nosso Instagram com análises diárias

Mantenha-se atualizado, siga no: Google News, Facebook, Twitter, Feedly, Flipboard, Telegram, Whatsapp, Instagram, ou receba por e-mail.