Passageiros de transporte coletivo na Argentina agora podem pagar com Bitcoin

O bitcoin terá visibilidade para milhares de passageiros de metrô e ônibus

-

Siga no
Anúncio

Usuários de transporte público em 37 cidades da Argentina agora podem colocar crédito em seus cartões de ônibus com bitcoin. Isso foi possível graças a uma parceria entre a Alto Viaje, que fornece a plataforma de cartões de viagem, e a Bitex, uma fintech que fornece serviços financeiros de blockchain.

Passageiros de ônibus de Buenos Aires podem pagar com Bitcoin

Este é um pequeno passo para o Bitcoin, mas é um salto gigante para a indústria de criptomoedas no que se diz respeito a adoção e usabilidade.

Anúncio

O Uso de bitcoin e outras criptomoedas para comprar produtos e serviços não é novidade. Mas ver o bitcoin ter visibilidade para passageiros de metrô e ônibus é algo extremamente positivo, pois se trata de uma publicidade séria para muitas pessoas.

Manuel Beaudroit, CMO da Bitex, disse:

“Acreditamos que este tipo de projeto tem grande importância, pois traz a tecnologia tão disruptiva quanto o bitcoin para as pessoas comuns, demonstrando o verdadeiro valor e as aplicações que tem no dia a dia.”

Os cartões SUBE podem ser recarregados com crédito em todas as estações, nas loterias nacionais e em alguns quiosques com terminais automatizados. Para encontrar o ponto de venda mais próximo, o site da SUBE tem um mapa de fornecimento.

Inclusão financeira

O principal objetivo da Alto Viaje era tornar o processo de carregamento de cartões o mais acessível possível. Antes da adição dos pagamentos com bitcoin, a plataforma só aceitava o PayPal.

A parceria com a Bitex permitiu que ela oferecesse recargas com bitcoin em uma infraestrutura segura e já testada. O diretor, Luciano Verardo, disse:

… Queremos oferecer serviços seguros e inovadores, a aliança com a Bitex nos permite integrar pagamento com bitcoins e novas possibilidades de inclusão financeira…

Crise financeira na Argentina

Atualmente a Argentina vive uma crise financeira, com taxas de inflação sendo uma grande preocupação para muitas pessoas.

Isso levou um número crescente de cidadãos a recorrer ao bitcoin como forma de preservar seu dinheiro. Os volumes de negociação de bitcoin no país estão subindo no site LocalBitcoins, e os números de caixas eletrônicos de Bitcoin têm crescido nos últimos meses.

Será interessante ver se este cartão de viagem em bitcoin acelera a tendência de adoção. O público em geral verá o bitcoin como uma solução mais estável do que o peso argentino?

O que você acha?

As informações são do Bitcoinist

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Avatar
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Leia mais

Leia mais sobre:

Últimas notícias

“Se você acha que imposto é roubo, chama a polícia”, diz Kim Kataguiri

Em um entrevista para o canal Letícia Shirakiin, o Deputado Federal Kim Kataguiri foi questionado se imposto é roubo. A resposta veio em tom de...

Surge o Primeiro Case da Hathor

Pois então que surge espontaneamente o primeiro caso de uso da blockchain brasileira Hathor. Vou contar como isso aconteceu. Bem, o time concebeu a...

Google fala sobre golpe com Bitcoin

No podcast mais recente do Google, três especialistas da gigante das buscas comentaram sobre um tipo de golpe que envolve Bitcoin. No tópico que falava...