Pesquisador diz ter descoberto identidade do criador do Bitcoin

Com um texto intitulado "Eu sei quem é Satoshi Nakamoto" no Medium, Gerald Votta, diretor de pesquisa GameFi da Quantum Economics, afirma que, após meses de pesquisa, ele tem certeza de que sabe qual é a identidade do criador do Bitcoin.

A identidade de Satoshi Nakamoto é o maior mistério dentro do mercado de criptomoedas e a resposta para a pergunta “quem é o criador do Bitcoin” tem sido procurada por várias pessoas que estudam o Bitcoin. Recentemente uma nova teoria foi criada, oferecendo uma outra possibilidade para os muitos nomes suspeitos de serem Nakamoto.

Com um texto intitulado “Eu sei quem é Satoshi Nakamoto” no MediumGerald Votta, diretor de pesquisa GameFi da Quantum Economics, afirma que, após meses de pesquisa, ele tem certeza de que sabe qual é a identidade do criador do Bitcoin.

Em sua extensa busca, ele acabou chegando a conclusão de que James A. Donald, canadense membro da comunidade de criptografia, é a identidade de Satoshi. Em seu artigo ele explica como encontrou ligações entre Donald e Satoshi e uma das suas principais pistas foi a primeira resposta ao Whitepaper que Nakamoto criou em 2008.

James A. Donald

A resposta quase imediata de Donald ao Whitepaper é algo “muito suspeito” e levou ele a investigar ainda mais a vida do criptógrafo.

Resposta em e-mail que James A. Donald escreveu minutos depois da publicação do Whitepaper do Bitcoin.

A resposta rápida é uma das primeiras dicas apontadas por Votta sobre a ligação entre James A. Donald e Satoshi Nakamoto.

“Se você olhar para o timing, os comentários de Donald são de alguns minutos após a publicação do Whitepaper e fala de coisas e faz perguntas específicas a Satoshi. Como ele poderia ler o documento, analisar isso e fazer questionamentos como essa pergunta incrível sobre escala em apenas três minutos? É quase impossível.” , afirma o pesquisador.

Além de ter sido uma das primeiras respostas ao Whitepaper de Satoshi, Donald também tem um perfil bem parecido com o do criador do Bitcoin. O pesquisador disse que Donald não apenas tinha conhecimento avançado em computação, programação e criptografia, mas também era bem versado em economia, história e leis, assuntos que Satoshi dominava.

Ligações

O próprio James A. Donald teria falado em e-mails que ele se conectou com Satoshi por ter tanto e comum com o famoso programador. Além disso, ambos possuem um jeito bem parecido de escrever, combinando uma excelente noção de inglês britânico e norte-americano, além do uso de palavras com grafia similar, como o uso de “favour” ao invés de “favor”.

Termos de criptografia também ligam os dois, com Donald usando a palavra “Chaumian” em um e-mail sobre patentes do Digicash em agosto de 2003 e depois Satoshi usando a mesma palavra em fevereiro de 2009.

Outra pista seria o site Echeque e também o programa Crypto Kong, um software de criptografia que é bem similar a base do Bitcoin.

O site Echeque possui uma página exemplificando o uso do Crypto Kong e, além disso, o e-mail de Donald era james@echeque.com, o que indica a sua ligação com o site.

Esta não é a primeira vez que a teoria surge, lá em 2014 alguém tinha sugerido que James A. Donald pode ser Nakamoto, citando principalmente o timing das respostas.

Muitos concordaram com a ideia, já outros afirmam que a resposta rápida é devido ao fuso-horário dos dois e que a marcação do tempo não pode ser totalmente confiável nesses casos.

Outros especulam que ambos podem ter conversado anteriormente e Donald já teria visto o whitepaper antes da publicação, o que explicaria seu entendimento rápido sobre o documento.

Podemos até não termos uma resposta para esse grande mistério (e talvez nunca teremos), mas como certeza acrescenta mais uma possibilidade para a verdadeira identidade de Satoshi Nakamoto.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias