Pirâmide financeira ‘devora’ 30% de todo poder da rede Ethereum

Ethereum está sendo sobrecarregada por uma pirâmide financeira que executa contratos intelingentes na rede.

Siga no
Pirâmide Financeira de Bitcoin e Criptomoedas
Pirâmide Financeira

A rede da plataforma Ethereum está sendo sobrecarregada por uma enorme pirâmide financeira. Segundo levantamento de dados, cerca de ⅓ do poder de processamento da rede estaria sendo utilizado pelo esquema fraudulento. O caso envolveria uma pirâmide financeira que utiliza contratos inteligentes da rede Ethereum.

A Ethereum é uma plataforma para o desenvolvimento de aplicativos descentralizados (D’Apps) e criptomoedas, como o Ether (ETH) ou tokens classificados como (ERC-20), por exemplo. É através de contratos inteligentes executados diretamente na rede Ethereum que uma pirâmide chinesa está atuando. Esses contratos estariam sobrecarregando a rede Ethereum, onde cerca de 30% de seu poder de processamento está relacionado ao esquema.

Contratos na rede Ethereum validam pirâmide financeira

O uso da rede Ethereum está sendo comprometido pela utilização de contratos inteligentes. Mais especificamente, os contratos firmados que sobrecarregam a rede estão vinculados a uma pirâmide financeira chinesa. De acordo com as informações divulgadas no Twitter, o esquema utiliza contratos inteligentes com Ether (ETH) que variam de US$ 10 mil a US$ 15 milhões.

A disposição dos contratos inteligentes da pirâmide financeira que se espalha na China mostra como o esquema utiliza a rede Ethereum para validar suas transações. O esquema oferecer porcentagens de 0,5% a 1% em depósitos de apenas cinco dias. 

Para receber o suposto lucro oferecido pela empresa, os investidores devem depositar quantias que podem variar entre 1 a 15 (ETH). Somente unidades inteiras da altcoin são aceitas no esquema, que pode ser considerado um dos maiores golpes envolvendo a rede Ethereum. Além disso, a pirâmide financeira já é apontada como uma das maiores que já atuaram na China.

Rede Ethereum também é utilizada para emissão de stablecoin

De acordo com as informações apresentadas por um analista nas redes sociais, precisamente 27% da rede Ethereum é utilizada por uma pirâmide financeira. Essa sobrecarga pode fazer com que transações demorem mais que o habitual dentro da rede. Além disso, a execução de aplicativos descentralizados da rede Ethereum poderão ter seu desempenho comprometido.

Mas, existe outro problema além de uma pirâmide financeira que ‘controla’ a rede Ethereum através de contratos inteligentes. Outra importante parcela do poder de processamento da rede é utilizada para a emissão da stablecoin Tether (USDT).

Para a emissão de Tether (USDT), mais 30% de toda a rede Ethereum é comprometida. Os dados mostram que 1,95 bilhões de unidades (USDT) já foram emitidas na rede Ethereum. Essa porcentagem equivale ainda a validação de transferências envolvendo a stablecoin emitida na rede Ethereum.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".
Cardano. Imagem: Abode Stock

Cardano dispara e bate recorde de preço enquanto Bitcoin cai

A criptomoeda Cardano (ADA) disparou neste sábado e bateu um novo recorde de preço, enquanto isso, o Bitcoin e a maioria das principais criptomoedas...
Elon Musk interpretando Wario. Imagem: Divulgação SNL.

Cocriador da Dogecoin chama Elon Musk de “vigarista egoísta”

Pouco tempo depois de Elon Musk afirmar que estava trabalhando com desenvolvedores da Dogecoin, o cocriador da criptomoeda meme, Jackson Palmer, apareceu no Twitter...
Criptomoeda Ethereum em destaque com outras criptomoedas ao seu redor rivais

Elon Musk vai comprar Ethereum?

“Eu acredito fortemente nas criptomoedas, mas elas não podem levar a um aumento massivo no uso de combustível fóssil, especialmente carvão”, disse Elon Musk,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias