Polícia devolve R$ 50 milhões para vítima de grupo que roubava bitcoins e distribuía dinheiro nas ruas

As investigações da polícia britânica começaram apenas quando Kelly Caton (45) denunciou que sua filha havia roubado 15 bitcoins dela. Conforme sua aparência era de uma pessoa humilde, as autoridades começaram a desconfiar sobre a origem de sua riqueza.

A Polícia de Lancashire, no Reino Unido, devolveu 8 milhões de libras esterlinas (R$ 50 milhões) em Bitcoin para a vítima de um antigo roubo. O crime aconteceu em 2017, quando o grupo aproveitou-se de um bug na corretora australiana CoinSpot para esvaziar sua carteira.

Embora parecesse um hack comum, como tantos outros que vemos diariamente, o grupo se destacou por distribuir parte do dinheiro do roubo para pessoas aleatórias.

Como exemplo, a própria polícia informou que o grupo distribuia vales-presente de R$ 30.000 nas ruas. Indo além, também é mencionado que eles compravam carros de luxo para estranhos que conheciam em bares.

Maços de dinheiro e lingotes de ouro confiscados do grupo pela polícia. Reprodução.
Maços de dinheiro e lingotes de ouro confiscados do grupo pela polícia. Reprodução.

O motivo que pode ter levado o grupo a torrar seu dinheiro está ligado ao próprio roubo. Afinal, eles não eram hackers e acabaram descobrindo um bug sem querer, conseguindo dobrar o seu dinheiro dentro da corretora em questão.

Ou seja, ficar milionários não estava em seus planos e, quando ficaram, nem sequer sabiam o que fazer com o dinheiro.

Crimonosa ligou para a polícia dizendo que havia sido roubada e acabou presa

As investigações da polícia britânica começaram apenas quando Kelly Caton (45) denunciou que sua filha havia roubado 15 bitcoins dela. Conforme sua aparência era de uma pessoa humilde, as autoridades começaram a desconfiar sobre a origem de sua riqueza.

Em outra história semelhante, um americano que havia roubado 50.000 bitcoins (R$ 10,2 bilhão) também ligou para a polícia para relatar um furto e acabou preso.

“Foi aquela ligação para a polícia [que] nos fez pensar ‘como é que esta senhora que vive em circunstâncias modestas, uma pequena casa alugada em Blackpool, possui tanta riqueza escondida’?”

Os três cúmplices de Caton eram Stephen Boys (59), Jordan Robinson (24) e James Parker. Enquanto Parker faleceu antes de ser preso, Caton foi condenada a 8 anos e meio de prisão, Boys a 6 anos e Robinson a 8 anos e meio. Outro homem de 28 anos, chamado Auston-Beddoes, foi condenado a 1 ano e meio por ajudar no esquema.

Jordan Robinson Kelly Caton Stephen Boys
Grupo que roubou milhões de corretora de criptomoedas australiana. Reprodução.

Polícia devolve dinheiro às vítimas e diz que bandidos passarão o Natal na cadeia

Embora o grupo já estivesse preso desde o início de 2023, a polícia ainda não havia devolvido o dinheiro das vítimas. Na época, foram confiscados 445 bitcoins, relógios de luxo, carros, casas, bem como dinheiro em espécie e em contas bancárias.

Em atualização do caso, a Polícia de Lancashire afirmou ter devolvido 8 milhões de libras (R$ 50 milhões) a uma das vítimas. Na foto, as autoridades mostram um explorador apontando para o bloco número 820.250 do Bitcoin, sendo uma prova da data, 8 de dezembro de 2023.

“É um prazer informar que no início desta semana as equipes de fraude e cibernética trabalharam juntas para devolver £8.000.000 (R$ 50 milhões) em bitcoins roubados ao seu legítimo proprietário. Os infratores, porém, estão passando o Natal ‘a critério de Sua Majestade’ (presos).”

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias