Inicio Bitcoin Preço do Bitcoin pode subir 1.000% e chegar em US$ 65 mil

Preço do Bitcoin pode subir 1.000% e chegar em US$ 65 mil

Analista confirma que criptomoeda está pronta para viver nova onda extrema de valorização.

-

Compartilhe
Bitcoin pode subir 1.000%

O preço do bitcoin está alcançando valores que podem levar a criptomoeda a cotação de US$ 65 mil. De acordo com analistas do mercado, esse seria o preço do bitcoin até o final do ano. Sendo assim, o crescimento representaria dez vezes mais que o valor atual da criptomoeda no mercado.

O bitcoin já viveu momentos de valorização anual em que a criptomoeda subiu mais de 1.000%. Em 2017, por exemplo, o preço do bitcoin acumulou uma máxima de cerca de 1.320%, em um momento de completa valorização do mercado. Após a profunda desvalorização da criptomoeda em 2018, a tendência de queda está prestes a ser revertida.

Bitcoin já cresceu mais de 53% somente em 2019

Em 2019 o bitcoin já acumulou mais de 53% de valorização em apenas quatro meses. Esse aumento pode impulsionar o ativo digital em outras direções. Com o mercado aquecido a expectativa é de que o bitcoin continue crescendo nos próximos meses. Para alguns analistas, esse crescimento poderá atingir cerca de 1.000%. Sendo assim, o bitcoin deverá chegar até dezembro com uma cotação superior a US$ 60.000.

Segundo a previsão de um popular comerciante de criptomoedas, o bitcoin deverá chegar em US$ 65.000. Com esse preço a criptomoeda atingirá um valor impressionante no mercado. O perfil que anuncia o aumento do bitcoin nos próximos meses alega que a criptomoeda deverá ultrapassar um importante valor, antes de encarar uma abrupta onda de valorização.

- Publicidade -

Criptomoeda deverá atingir nível importante de resistência

O preço do bitcoin apresenta sólidos sinais de crescimento contínuo. Há pouco tempo a criptomoeda estava sendo cotada pouco acima de US$ 3 mil, quando uma reviravolta fez o bitcoin voltar a crescer no mercado. Desde então, níveis de resistência foram quebrados e máximas foram renovadas várias vezes em 2019.

Um dos maiores problemas para o bitcoin seria ultrapassar a faixa dos US$ 5 mil, o que já aconteceu. Isso permitiu ao ativo digital caminhar para chegar em valores próximos a grande queda que aconteceu no final de 2018. Naquele momento o bitcoin viu seu preço despencar para valores abaixo de US$ 6 mil. Desde então, a criptomoeda nunca havia voltada a essa faixa de valor.

Após ultrapassar a barreira dos US$ 6 mil, o bitcoin chega em uma cotação que pode elevar a criptomoeda para US$ 7 mil. Para o perfil Crypto Bitlord, essa faixa de preço deverá ser um grande divisor para o bitcoin. Após a criptomoeda ultrapassar os US$ 7 mil no mercado, a cotação do bitcoin estará pronta para renovar a sua máxima histórica de preço.

XDEX: Negocie bitcoin com TAXA ZERO. Aproveite também para negociar outras 6 criptomoedas com as menores taxas do mercado. Abra sua conta, é grátis!
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter para começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.

MAIS LIDOS

Bitcoin dispara e esses podem ser os quatro motivos por trás disso

O preço do bitcoin continua a subir vertiginosamente no mercado. Com o crescimento impressionante da criptomoeda recentemente, alguns motivos foram apontados como causadores por...

Bitcoin “vira papel” e vai ser negociado em bolsa norte-americana

A bolsa de contratos futuros ICE espera negociar bitcoin em breve. Para isso a empresa aposta em uma aprovação do governo federal norte-americano. Com...

“Dinheiro não existe”: justiça orienta vítimas a sacarem tudo da Unick Forex

A Unick Forex está sendo investigada pela justiça brasileira. Após uma filial do escritório da empresa ser fechado no interior do Rio Grande do...
 
Compartilhe