Preço do bitcoin subiu 15%: confira a análise semanal da criptomoeda de 9 a 14 de junho

Bitcoin acumula valorização nos últimos dias e renova sua máxima ao longo da semana.

Siga no

O preço do bitcoin vivenciou momentos importantes na semana. A análise mostra a seguir que uma variação de cerca de 15% foi observada entre os dias 9 a 14 de junho de 2019. Impulsionada por um mercado aquecido, o bitcoin fechou a semana em valorização.

O bitcoin vem acumulando uma valorização ao longo dos meses em 2019. Porém, no final de maio e início de junho esse desempenho foi colocado à prova. Uma correção fez o preço da criptomoeda despencar, após atingir US$ 9.000,00 recentemente. Porém, os últimos dias serviram para mostrar que o bitcoin está fortalecido, e o mercado aposta que a criptomoeda poderá renovar sua máxima anual nos próximos dias.

Bitcoin começou a semana com sinais dúbios

Após sofrer uma correção recente, o preço do bitcoin caiu. No último domingo (9) o bitcoin deu poucos sinais de recuperação. Neste dia, o preço do bitcoin começou a semana sendo cotado em US$ 7.900,34 (00:24:00 UTC-3) . Até então, a criptomoeda teve seu preço lateralizado bem próximo dos US$ 8.000,00 e encontrava dificuldades para se manter acima deste valor novamente.

Essa dificuldade permaneceu no dia (9), momento em que o preço do bitcoin chegou a se desvalorizar, ficando longe de seu nível máximo de resistência. Foi neste dia que a criptomoeda registrou o seu pior desempenho na semana, ao ser cotada em US$ 7.593,30 (19:39:00 UTC-3).

Preço do bitcoin começou a semana abaixo de US$ 8.000,00

Na última segunda-feira (10) o preço do bitcoin começou a ser cotado em US$ 7.684,85 (00:04:00 UTC-3) no mercado. Logo na manhã, a criptomoeda conseguiu voltar a ser cotada acima de US$ 8.000,00. Neste dia, o preço do bitcoin fechou sua cotação em US$ 7.988,03 (23:09:00 UTC-3).

A terça-feira (11) não registrou muitas surpresas para o bitcoin. A criptomoeda começou o dia sendo cotada em US$ 7.963,49 (00:24:00 UTC-3) e terminou com o preço de US$ 7.881,77 (22:54:00 UTC-3). O mercado preparava-se para um movimento de valorização que impulsionaria o preço do bitcoin no dia seguinte.

Nas primeiras horas da última quarta-feira (12) o preço do bitcoin voltou a ser cotado acima de US$ 8.000,00. Esse movimento impulsionou a criptomoeda a fechar naquele dia com a cotação em US$ 8.115,35 (23:24:00 UTC-3).

O movimento de valorização do bitcoin permaneceu no dia seguinte. Na quinta-feira (13) o preço da criptomoeda começou sendo cotado em US$ 8.111,38 (00:24:00 UTC-3). Poucas horas antes de o dia terminar, o preço do bitcoin registrou uma valorização, alcançando US$ 8.201,69 (23:39:00 UTC-3).

Criptomoeda subiu ao longo da semana

Com força suficiente para experimentar novos índices de valorização, o bitcoin voltou a subir na sexta-feira (14). Naquele dia a criptomoeda começou sendo cotada em US$ 8.198,77 (00:09:00 UTC-3). Porém, até o fim do dia o preço do bitcoin sofreu um importante aumento, de quase US$ 600. Sendo assim, a criptomoeda terminou o dia com um preço de US$ 8.671.42 (23:39:00 UTC-3).

O preço do bitcoin somente foi registrar seu melhor desempenho semanal no último dia analisado. Foi na sexta-feira (14) quando bitcoin continuou a subir. Ao manter a onda de valorização que começou ao longo da semana, o preço do bitcoin chegou em US$ 8.702.27 (20:39:00 UTC-3).

Os últimos dias acumularam uma alta de 11.19% para o preço do bitcoin. Após viver uma onda de valorização recentemente, a criptomoeda viu seu preço voltar a subir no mercado.

Entre o melhor e o pior cenário registrado nos últimos dias, a diferença de preço corresponde a US$ 1.108,97. Esse valor representa cerca de 15% de variação da cotação do bitcoin nesta semana que chega ao fim. O movimento de valorização parece continuar ao longo do final de semana, o que poderá fazer o preço do bitcoin subir novamente.

Confira o preço do bitcoin neste sábado (15)

O desempenho otimista do preço do bitcoin permanece neste sábado (15). Até então, a criptomoeda continua sua firme onda de valorização. Esse movimento poderá impulsionar o bitcoin em US$ 9.000,00 em breve.

Neste dia o preço do bitcoin está sendo cotado em US$ 8.813,77. Com este valor, o bitcoin renova, repetidamente, sua máxima nos últimos sete dias. Esse preço corresponde a uma valorização de 4.79%, até início da tarde deste dia.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".

Governo da Ucrânia ensina bitcoin para população

O Ministério da Transformação Digital da Ucrânia criou uma campanha para ensinar  bitcoin, blockchain e criptomoedas para a população. Os vídeos foram desenvolvidos em...

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...
BCHA-51-attack

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

Últimas notícias

Impressora de dinheiro ligada: BC aumentou em quase 50% base monetária em 12 meses

O Banco Central do Brasil imprimiu muito dinheiro nos últimos doze meses, inflando a base monetária do país. De acordo com o BC houve...

Grupo anônimo de baleias lança ataque 51% contra fork do Bitcoin Cash

A rede da criptomoeda Bitcoin Cash ABC (BCHA), que surgiu no meio do mês como resultado de um hard fork do Bitcoin Cash, está...

30 bilionários possuem bitcoin, mas não falam sobre isso, revela milionário do Twitter

O multimilionário filantrópico Bill Pulte, apelidado de "Bitcoin Bill" após sua entrada no mercado de bitcoin em dezembro de 2019, afirmou em uma live...