Prefeitura de Vitória sofre ataque hacker igual ao STJ

Até a UNIMED da cidade chegou a ser atacada, mas conteve a ação.

Siga no
Hacker segurando criptomoeda Bitcoin
Hacker segurando criptomoeda Bitcoin

A prefeitura de Vitória, Capital do Estado Espírito Santo, sofre com um ataque hacker na última semana. Em nota, a prefeitura informou que o ataque sofrido é semelhante ao realizado contra o STJ.

Conforme anunciado pelo Livecoins, os ataques hackers se intensificaram na última semana. Os alvos são principalmente órgãos públicos, como STJ, Ministério da Saúde, entre outros.

As ações chamaram atenção do governo federal, que através do GSI emitiu um alerta para sites públicos. De qualquer forma, as ações continuam a assolar vários domínios, inclusive com ransomwares.

No caso da Prefeitura de Vitória, a equipe de TI trabalha desde o dia 7 para reabilitar os sistemas. Em nota, a prefeitura afirmou que estão sendo priorizados sistemas essenciais, como os de educação, saúde, entre outros.

“A Prefeitura de Vitória informa que, na noite do último sábado (7), os servidores do município foram alvo de um ataque global de hackers, a exemplo do que aconteceu com os servidores do Superior Tribunal de Justiça. Todos os serviços on-line da Prefeitura estão momentaneamente indisponíveis”, afirmou em nota a nova vítima de um ataque.

Até a UNIMED de Vitória, de acordo com A Gazeta, foram alvos de ataques. No entanto, a empresa afirma ter controlado o ataque e não precisou paralisar os serviços. Mesmo assim, contratou uma empresa de segurança para investigar o incidente.

Ataque hacker na Prefeitura de Vitória atrapalha até processos na justiça

O ataque hacker que atingiu a prefeitura de Vitória levou o Tribunal Federal de Justiça da 2.ª região a congelar os processos do município. Isso porque, com a indisponibilidade dos sistemas, a Procuradoria do Município de Vitória estaria com problemas.

O Livecoins entrou em contato com o TRF2, que comentou que os prazos processuais estão paralisados até o dia 27 de novembro. Ou seja,

“O referido ataque hacker foi à Procuradoria do Município de Vitória e, em razão disso, o TRF2 suspendeu os prazos processuais exclusivamente dos processos em que figure como parte aquele município, entre os dias 9 e 27 de novembro de 2020”, afirmou o TRF2 ao Livecoins em nota.

No caso do ataque ao STJ, o órgão havia um backup que segue sendo restaurado. Após mais de uma semana do ataque ao tribunal, vários serviços ainda estão parados, mesmo com ajuda do exército e polícia federal.

No caso da Prefeitura de Vitória, não foi divulgado se o órgão tinha backup e como estão sendo feitos os reparos. De qualquer forma, fica claro que o mês de novembro é um desafio a segurança cibernética de órgãos públicos brasileiros.

O Livecoins procurou a Prefeitura de Vitória, mas não recebemos retorno até o fechamento desta matéria.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
El Salvador BTC

Governo de El Salvador analisa permitir pagamento de salários com Bitcoin

Poucos dias depois de o Bitcoin se tornar moeda de curso legal em El Salvador, o governo do país agora estuda com pagar salários...
Várias criptomoedas perto de um carrinho de compra alternativas Ethereum Bitcoin Dogecoin Litecoin Monero

Bitcoin deixado como herança será divido por família no Distrito Federal

O Bitcoin é uma moeda digital, mas também um bem, sendo utilizado por muitas pessoas como reserva de valor. Em um processo de inventário...
Baleia do Bitcoin preço e cotação queda e alta

Baleias detém quase metade dos bitcoins já minerados

A última queda massiva no preço das criptomoedas acabou sendo uma boa oportunidade para as baleias, que agora detém quase a metade de todos...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias