Principal cliente do Ethereum está a um passo do Proof-of-Stake

Péter Szilágyi, mantenedor do principal cliente do Ethereum, o Geth, afirmou que ele está a um merge da migração para Proof-of-Stake. Portanto, embora não tenha data definida, isso pode acontecer em breve.

Apesar de o Ethereum usar Proof-of-Work, assim como o Bitcoin, desde seu lançamento, seu criador, Vitalik Buterin, sempre se mostrou adverso a tal algoritmo. Todavia, o Ethereum está rodando com ele há 7 anos, sem nenhum problema.

“Eu não acredito no Proof-of-Work!”

Anos de espera do Proof-of-Stake

O amor de Vitalik Buterin pelo Proof-of-Stake começa em 2013, antes mesmo da criação do Ethereum. Entretanto, devido à complexidade e foco na segurança, tal blockchain utiliza Proof-of-Work desde seu lançamento, em 2015.

Sete anos depois, a migração pode estar mais perto do que parece. Segundo o mantenedor do Go Ethereum (Geth), principal cliente do Ethereum, o pull request (PR) já está pronto e agora basta passar pelo processo de testes.

“Embora não seja realmente visível do lado de fora, a base de código do go-ethereum (Geth) está a um grande PR de estar pronto para o merge. E esse PR em si também está feito, só precisa de testes.”

Tal migração é o atual plano para resolver a questão da escalabilidade da rede, hoje inutilizável para transações de baixo valor devido as suas altas taxas. Entretanto, alguns especialistas estão questionando se tal migração não faria com que os EUA considerassem o ETH como uma security.

Já do lado dos mineradores, estes perderão sua receita com a atividade, precisando migrar para outras moedas com menor rentabilidade. Boa notícia para os gamers que encontrarão placas de vídeo mais baratas a venda devido a menor demanda.

Atualização pode demorar mais

Em atualização sobre os trabalhos da migração, Vitalik Buterin publicou um diagrama em dezembro do ano passado. Nele é possível ver que ainda há muito trabalho a ser feito.

Portanto, tal migração ainda segue sem data e nem sequer uma estimava de quando será feita, mesmo com a afirmação entusiasmada de Szilágyi.

Por fim, além dos mineradores, outras moedas que fazem concorrência ao Ethereum, quando o assunto são contratos inteligentes, podem ser as mais afetadas. Contudo, é preciso que o Ethereum mantenha a segurança e operabilidade que possui hoje.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias