Receita Federal alerta contra golpe após vazamento de dados

Todos os dados da população brasileira estariam à venda na dark web, inclusive CPF e e-mail.

Siga no
Receita Federal Superintendência em Brasília
Superintendência da Receita Federal, em Brasília. Publicado em 20/02/2020 03:01 Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil Local: Brasília-DF

A Receita Federal utilizou suas redes de comunicação para emitir um alerta contra um golpe novo no Brasil. O caso acontece dias após os dados de milhões de brasileiros terem sido vazados e estarem sendo vendidos na dark web.

Com a posse de vários documentos de brasileiros em mãos, os hackers já estão agindo. De acordo com a Receita Federal, várias pessoas estão recebendo mensagens com o logotipo do órgão pedindo que cliquem em links suspeitos.

Normalmente, ataques cibernéticos contam com uma “ajudinha” das próprias vítimas nos golpes. Isso porque, as vítimas costumam clicar em links perigosos ou até baixar programas contendo vírus.

Em posse dos dados da população, os golpes tendem a ser frequentes no país.

Receita Federal alerta contra golpe usando a imagem do órgão

Nos últimos dias, os brasileiros receberam com tristeza a informação de um gigante vazamento de dados pessoais. Este, inclusive, pode ser o maior da história do país.

Citada por alguns veículos de imprensa como sendo a empresa responsável pelo vazamento de dados, a Receita Federal negou o caso. De acordo com o órgão federal, sua base não foi violada e segue a disposição para investigação das autoridades competentes.

Contudo, alguns dias após o gigante vazamento, pessoas têm relatado à Receita Federal alguns golpes. E-mails usando a imagem da Receita Federal estão chegando para várias pessoas pedindo que cliquem em links suspeitos.

Para convencer as vítimas a clicar nos links, os hackers criaram uma mensagem “motivacional”. Dessa forma, as vítimas acreditam que devem entrar em contato urgente com a Receita para evitar um suposto bloqueio do CPF.

“A Receita Federal alerta para que aqueles contribuintes que receberam tal e-mail não respondam, nem cliquem nos links que constam na mensagem. Trata-se de uma tentativa de golpe utilizando o nome da Instituição.

A Receita Federal ressalta ainda que não autoriza nenhuma outra instituição a enviar e-mails em seu nome. Mensagens dessa natureza devem ser apagadas, pois podem conter vírus ou qualquer outro software malicioso, podendo causar danos ao computador do internauta. Além disso, a exposição de dados pessoais do cidadão pode facilitar o cometimento dos mais diversos tipos de fraudes.”, afirmou o órgão federal brasileiro.

Para consultar quaisquer problemas com o CPF, os brasileiros devem procurar o local correto da Receita Federal. No entanto, a Receita Federal não informou se o novo golpe tem alguma relação com o vazamento de dados dos últimos dias.

Quais os riscos as pessoas correm no Brasil?

Entre alguns dos problemas, os brasileiros correm o risco de serem envolvidos em golpes cibernéticos. Utilizando técnicas de invasão, hackers podem enviar via e-mail links e programas maliciosos.

Os ransomwares, por exemplo, podem ser alguns dos programas enviados. Esse malware criptografa o dispositivo da vítima assim que instalado e depois solicita criptomoedas como resgate.

Além disso, golpes financeiros de vários tipos poderão ser cometidos nos próximos meses. Para evitar ser pego, os brasileiros devem redobrar atenção em quaisquer contatos novos nos próximos meses.

Durante a pandemia, cabe o destaque, os golpes pela internet já haviam crescido no mundo todo.

Vendo o problema, a OAB enviou um ofício a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD). Segundo a OAB, é necessário instaurar um inquérito para investigar, com urgência, o que pode ser o maior vazamento de dados do Brasil.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Citi

Citibank: Bitcoin pode se tornar uma moeda de comércio global

O Bitcoin está em um "ponto de inflexão" e pode se tornar a moeda preferida para o comércio internacional, disseram analistas do gigante bancário...
Francis Suarez em entrevista à "Axios on HBO". Imagem: Youtube

Governos não podem manipular o Bitcoin, diz prefeito de Miami

Francis Suarez, o prefeito de Miami, quer tornar o Bitcoin parte do futuro econômico de sua cidade e, em uma entrevista à "Axios on...
Google Finance

Google Finance cria página dedicada a criptomoedas

O Google Finance, o site de dados sobre finanças mantido pela gigante de tecnologia, adicionou uma guia dedicada a criptomoedas, com um posicionamento de...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Governos não podem manipular o Bitcoin, diz prefeito de Miami

Francis Suarez, o prefeito de Miami, quer tornar o Bitcoin parte do futuro econômico de sua cidade e, em uma entrevista à "Axios on...

Google Finance cria página dedicada a criptomoedas

O Google Finance, o site de dados sobre finanças mantido pela gigante de tecnologia, adicionou uma guia dedicada a criptomoedas, com um posicionamento de...

Hacker ameaça vazar dados que “podem prejudicar toda indústria de criptomoedas”

A Tether disse que está sendo extorquida e que o criminoso exigiu 500 bitcoins para não vazar documentos que podem "prejudicar todo o ecossistema...

Não mate a galinha dos ovos de ouro, diz vice-presidente da Nigéria sobre Bitcoin

No início de fevereiro, o Banco Central da Nigéria (CBN) proibiu os bancos de fornecer serviços para pessoas e empresas que negociavam criptomoedas, a...

Coinbase diz que Satoshi Nakamoto é um risco para seus negócios

A Coinbase deve se tornar oficialmente uma empresa de capital aberto nos próximos dias, ela será listada no índice da Nasdaq Global Select Market....