Receita Federal dos EUA envia alerta para investidores de Bitcoin

Um usuário que recebeu a carta sugerindo uma correção de $ 127 mil disse que na verdade deveria receber restituição, já que ele amargou prejuízo durante o ano de 2017.

Siga no

Pelo segundo ano consecutivo a Receita Federal dos Estados Unidos (IRS) enviou para investidores de criptomoedas cartas alertando que eles “Declararam menos criptomoedas do que deveriam.” Isso não é só um problema pela óbvia razão de tentar arrecadar mais impostos com os ativos digitais, mas porque muitas dessas cartas estão erradas e podem dar bastante trabalho para os contribuintes.

Em um post no blog oficial da CryptoTrader.Tax foi mostrado que a IRS mandou as cartas mais uma vez, alegando que determinados contribuintes não declararam seus ganhos reais com criptomoedas. Alguns dos ajustes exigidos nas cartas chegam a valores de $ 127 mil, o que com certeza está assustando muita gente nos EUA.

Carta da IRS que contribuintes dos EUA, investidores de Criptomoedas, estão recebendo.

As cartas fazem referência ao período fiscal de 2017, com preenchimento em 2018. Com isso em mente é fácil entender como os “ganhos” do período podem ser mal interpretados pela receita, já que foi um dos períodos mais voláteis do mercado de criptomoedas.

Um usuário que recebeu a carta sugerindo uma correção de $ 127 mil disse que na verdade deveria receber restituição, já que ele amargou prejuízo durante o ano de 2017. Só com investimentos em criptomoedas ele perdeu $ 2 mil durante o ano.

Por que os investidores estão recebendo cartas da Receita Federal?

O que aconteceu com os contribuintes nos EUA foi um resultado de como é feito a checagem das informações de taxação e impostos. A IRS compara as informações fornecidas diretamente pelos contribuintes com as informações que as corretoras enviam, sendo assim, muitos acreditam que as confusões em relação aos “valores não declarados” vêm das informações fornecidas pelas corretoras.

De acordo com o CoinDesk, o problema é que as corretoras declaram todas as transações para o IRS usando o formulário 1099-K. Esse formulário é utilizado para declarar todas as transações que geraram lucros, mesmo que algumas tenham resultado em prejuízos.

Assim, as corretoras podem acabar reportando um valor dramaticamente inflado sobre os lucros de um contribuinte.

Apesar do susto (principalmente por causa do valor alto), a carta é apenas uma recomendação de ajuste. Os investidores podem “apelar” e enviar uma carta explicando os seus ganhos e perdas com as criptomoedas para a receita, mas como é de se imaginar, é uma dor de cabeça e um procedimento bem chato (malha fina).

Os problemas relacionados à Receita Federal não são exclusividade dos EUA, já que aqui no Brasil estudos mostraram inconsistências em como é realizado os relatórios sobre negociação de Bitcoins e outras criptos.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Bitcoin Crash. Imagem: ShutterStock

Crash do Bitcoin? Entenda os fundamentos

Ciclo de alta, euforia, todo mundo falando do Bitcoin, pessoas se alavancando demais, achando que preço nunca iria parar de subir. Logo vem as...
Queda massiva e brutal do Bitcoin

Bitcoin cai abaixo de US$ 30 mil e vira trends topics do Twitter, veja...

O preço do Bitcoin caiu nesta terça-feira (22) para níveis preocupantes no mercado, chegando até a virar destaque nos trends do Twitter Brasil. Ao...
Corinthians Token para Torcedores

Criptomoeda do Corinthians chegará em breve após parceria com Chiliz

O Corinthians, em parceria com a Chiliz e Socio.com, lançará uma criptomoeda para torcedores e cerca de 35 milhões de fãs poderão ajudar o...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias