Rio de Janeiro quer se tornar “cidade maravilhosa” das criptomoedas

Ação visa coibir pirâmides financeiras que buscarem atuar no local.

Siga no
Cristo Redentor, símbolo no Brasil (Rio de Janeiro), e Bitcoin (BTC Blockchain)
Cristo Redentor e Bitcoin (BTC)

O atual Secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação da Prefeitura do Rio de Janeiro confessou que a cidade tem planos para o setor de criptomoedas.

Segundo Chicão Bulhões, ex-deputado estadual pelo NOVO, a cidade irá buscar melhorar sua relação com inovações e tecnologias emergentes.

Essa fala vem meses após uma explosão de casos de pirâmides financeiras no Estado do Rio de Janeiro, com a Operação Kryptos, por exemplo, prendendo líderes na capital também. Apesar desse cenário de criminalidade associada a imagem das criptomoedas, o entendimento do secretário sobre o setor mostra que sabe separar o certo do errado.

No caso de empresas sérias, algumas já trabalham com sede no Rio de Janeiro, sendo essas aquelas que terão prioridade em ter melhores infraestruturas.

Rio de Janeiro vai adotar criptomoedas

O Rio de Janeiro é uma das cidades mais importantes do Brasil, sendo uma das metrópoles do país onde mais se faz negócios. Com uma rica região portuária, forte turismo, entre outros pontos fortes, a cidade agora planeja ir além.

Buscando melhorar a “cidade maravilhosa”, o secretário de inovação da Prefeitura do Rio de Janeiro Chicão Bulhões disse em uma entrevista ao O Globo que várias tecnologias são estudadas no local. Um dos setores que deverá ser impactado é o audiovisual, assim como de créditos de carbono.

O projeto mais importante em discussão atualmente é o Porto Maravalley, que deve ficar pronto em 2023 e gerar discussões e negócios para melhorar o setor portuário.

Mas nesse caminho há um espaço importante separado para as criptomoedas e empresas do setor, que é outro foco da inovação. Segundo Bulhões, as empresas sérias de criptomoedas estão convidadas a conhecer o projeto da cidade, que pode potencializar seus negócios.

O secretário indicou que pirâmides que usam a imagem das criptomoedas não terão espaço na cidade, que pode virar uma referência na América Latina de negócios neste setor.

“A gente está organizando com esse setor para que o Rio seja entendido como uma cidade cripto, que conversa com esses instrumentos financeiros.”

Um distrito poderia surgir?

Em dado momento, o secretário foi questionado sobre a possibilidade de ser criado um distrito para empresas de criptomoedas poderem atuar.

Mas em sua opinião e entendimento, a natureza das criptomoedas é ser descentralizada, dependendo então de iniciativas da cidade determinar onde esse espaço poderia ser criado.

O princípio da ideia do Rio de Janeiro ser a primeira capital a confessar o interesse no mercado de criptomoedas é que essas empresas troquem experiências, inovem e evoluam.

A cidade quer facilitar a explosão desse setor por aqui, e, por isso, eu pergunto: como podemos ajudar?”

Recentemente, o Cristo Redentor comemorou seus 90 anos de criação, com o padre que cuida do monumento indicando que pretende criar uma criptomoeda do local.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Símbolo da Binance em aplicativo

Binance se une a Microsoft e IBM em aliança blockchain de Portugal

A corretora Binance expande sua presença em Portugal, se unindo a uma aliança local com a presença até da Microsoft e IBM, entre outras...

Entenda o que é Smart Contract, a tecnologia que veio pra ficar!

Os produtos e serviços tradicionais estão sofrendo fortes mudanças decorrentes da transformação digital, criando instrumentos inteligentes para as empresas e nosso cotidiano. Carros autônomos, robôs...
Pedro Cerize, gestor de fundos brasileiro e sócio da Skopos

Gestor de fundos brasileiro critica CFA por incluir criptoativos em prova

Um famoso gestor de fundos brasileiro criticou a instituição responsável pela certificação Chartered Financial Analyst (CFA) por incluir criptoativos na prova. Como uma prova...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias