Rumor: Rússia se prepara para lançar criptomoeda lastreada em ouro

Siga no
Barra de Ouro
Barra de Ouro

A Rússia está comprado toneladas de ouro há meses, rumores afirmam que o banco central russo está comprando mais ouro do que as minas russas conseguem produzir pela primeira vez. Eles podem começar a importar ouro da China, disse a Bloomberg.

As reservas de dólares da Rússia caíram de 46% em meados de 2017 para 22% agora. Muito foi substituído por ouro, que agora representa 20% de suas reservas.

Existe muita especulação sobre a razão pela qual eles estão comprando tanto ouro, com o ex-ministro de Portuglal, Bruno Maçães, afirmando:

“O aumento do interesse pelas moedas digitais apoiadas pelo ouro levantou a questão de saber se uma das muitas experiências que estão sendo lançadas pode aspirar a se tornar uma moeda líder globalmente.”

Somente um país soberano poderia acumular as quantidades de ouro necessárias. Isso significa que a Rússia está considerando a ideia? Venezuela e Irã já fizeram algumas tentativas.

Há rumores de que as autoridades russas estão interessadas em levar os planos a um novo patamar, talvez com a China e outros parceiros.

O esquema vai funcionar da seguinte forma: O dinheiro circularia na forma de entradas em blockchain fornecidas por uma plataforma global e seria inteiramente respaldada por reservas de ouro mantidas em um fundo internacional, isolando-as da interferência do Estado.

Diferentes instituições financeiras privadas seriam responsáveis ​​pelas operações de emissão e, portanto, pelo controle final sobre a oferta monetária. As transações monetárias seriam processadas diretamente entre os usuários finais, sem intermediação de bancos ou governos”.

Sabe-se que tanto o Irã quanto a Venezuela consultaram Moscou a respeito de seus planos em criptomoedas apoiados por ativos.

A Petro, da Venezuela já fracassou porque não conseguiu uma blockchain pública aberta de primeira classe, enquanto o que o Irã está fazendo permanece nebuloso.

O Irã também teve conversas com várias nações européias, bem como com a Rússia, para lançar uma moeda estável.

Uma criptomoeda apoiada pelo ouro faria sentido para Rússia, pelo menos como um backup, caso eles fossem cortados do comércio internacional.

A maneira como isso funcionaria é bem simples. Você designa 1 token a 1 grama de ouro, quem quiser comprar ouro recebe o token, e o ouro talvez seja detido pelo Banco de Compensações Internacionais (BIS) com bancos intermediários, lidando com o resgate e a criação.

O objetivo de passar por esses intermediários seria que a criptomoeda tivesse um valor estável.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org Sugestão de pauta: mateus@livecoins.com.br
Elon Musk. Imagem: Pixabay

Tesla vai vender bitcoins que ainda tem, Musk diz que moeda é centralizada

Elon Musk mudou repentinamente de um grande apoiador do Bitcoin para um grande hater. Recentemente o bilionário pegou o mundo de surpresa ao anunciar...
Imagem: Adobe Stock

Bilionário Mark Cuban elogia Cardano, mas diz que ainda não viu utilidade na moeda

Mark Cuban, investidor bilionário e fã declarado do Ethereum, fez declarações sobre a criptomoeda Cardano (ADA) em uma postagem no Twitter. Ele afirmou que...
Elon Musk e Shiba Inu, cachorro símbolo da Dogecoin

Elon Musk diz que Dogecoin vai destronar o Bitcoin

Elon Musk continua bombardeando o Bitcoin e promovendo sua criptomoeda preferida, Dogecoin. O bilionário e CEO da Tesla disse na manhã deste domingo que...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias