Santander recorre a metaverso de criptomoedas para receber startups brasileiras

Banco espanhol fará evento exclusivo em ambiente virtual ligado às criptomoedas.

Santander em aplicativo
Santander em aplicativo

O Banco Santander marcou um evento em um metaverso de criptomoedas e convidou startups brasileiras e de mais 10 países a se unirem a essa iniciativa. A solução mostra que um dos maiores bancos da Espanha querem se envolver melhor com iniciativas no setor.

Os bancos pelo mundo vinham evitando o assunto das criptomoedas nos últimos anos. Contudo, com o passar do tempo, ficou impossível ignorar as iniciativas no setor, que começam a se mostrar grandes inovações financeiras e tecnológicas.

Na frente deste movimento, muitas startups ligadas ao ecossistema blockchain agora começam a ter mais oportunidades até de fechar parcerias estratégicas com as tradicionais empresas do setor bancário.

Santander marca evento para startups brasileiras em metaverso de criptomoedas

As startups e scale-ups de base tecnológica de 11 países, que estão produzindo soluções escaláveis com blockchain, são convidadas pelo Santander para um encontro na próxima semana.

Da América Latina, empresas do México, Argentina, Uruguai e Chile também estão convidadas a participar do evento.

Startups de 11 países convidadas pelo Santander para evento de criptomoedas
Startups de 11 países convidadas pelo Santander para evento. Reprodução.

O evento marcado para o dia 14 de julho será realizado pelo metaverso de criptomoedas Decentraland, onde o Santander já possuí um espaço aberto para visitas. Na ocasião do encontro, as empresas poderão ir até o local para conversar sobre Web3 e apresentar suas soluções, que o grande banco espanhol espera para conhecer.

“As soluções devem se concentrar em como melhorar a privacidade e a segurança do usuário em redes blockchain, promovendo a adoção de finanças descentralizadas (DeFi) e tokenização, e aprimorando e expandindo as interações digitais com os usuários por meio de conceitos como Web3 e metaverso.”

O evento chamado “Santander X Global Challenge | Blockchain and Beyond” também será apresentado pelo YouTube do banco.

Vencedores ganharão prêmios em dinheiro e poderão fazer parte do ecossistema de inovação do Santander

Com 20 finalistas, serão escolhidos três vencedores da categoria startup e mais três da categoria scaleups, com premiação de 10 mil euros e 30 mil euros para cada vencedor, respectivamente.

Além disso, as empresas passam a fazer parte do ecossistema de inovação do Santander X 100, que é uma comunidade de empreendedores seriais que contam com apoio do banco. Por fim, todos os vencedores serão destaque a serem apresentados globalmente como parceiros, o que pode possibilitar mais atenção e evolução das soluções.

A chamada Web3 é um setor ligado às criptomoedas que chamou muita atenção nos últimos anos. Bancos, por exemplo, esperam ter acesso à chamada tokenização para evoluir seus negócios e produtos, tornando as relações com os clientes mais ágeis.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias