Homem é sequestrado e obrigado a transferir criptomoedas para criminosos

A própria Binance respondeu à história do russo, dizendo lamentar ouvir esta história e ter enviado uma mensagem privada para tentar ajudar.

Na noite do dia 27 de setembro, um morador da cidade de Kaliningrado, na Rússia, foi sequestrado e obrigado a transferir todos os seus fundos da Binance para os criminosos. O jovem narrou a história através do Twitter.

Embora muitos usuários de criptomoedas se preocupem em usar senhas seguras e 2FA, o maior perigo está no mundo real. Um caso semelhante aconteceu na Inglaterra após um roubo com faca.

A melhor forma de se proteger deste tipo de situação é manter um perfil discreto. Afinal as transações de algumas criptomoedas são imutáveis, sendo um bom alvo para criminosos.

Nasci de novo

Segundo relato da vítima, ele foi puxado para fora de seu carro enquanto estava estacionado próximo a embaixada da Bielorússia, na cidade de Kaliningrado. Ali começava o seu pesadelo.

O jovem foi obrigado a desbloquear o seu iPhone para que os criminosos conseguissem acessar a sua conta da Binance, onde dois saques foram realizados, um de 261.00 e outro de 262.600 USDT. Montante equivalente a 2,8 milhões de reais.

“Olá a todos. Vocês não vão acreditar como estou feliz por poder dizer isso. Eu poderia estar morto, mas nasci de novo!”

No ano passado, ele havia vendido seu flat por 80 mil dólares para investir no mercado de criptomoedas, multiplicando essa quantia em mais de 6 vezes neste período. Apesar do jovem não ter comentado, é bem provável que os sequestradores tinham conhecimento sobre seus ganhos.

Após fornecer acesso à sua conta, a vítima conta que foi amarrada e vendada por cerca de 24 horas. E então estrangulada e jogada na floresta enquanto estava nu.

Sua sorte é que os sequestradores pensaram que ele estava morto, provavelmente por conta dos sedativos que foram aplicados, permitindo que ele procurasse por ajuda, durante uma noite fria de 4ºC.

Segunda vida

Apesar de ter perdido seus milhões, o jovem diz estar feliz em ter nascido novamente. Seu próximo passo é tentar fazer com que a Tether congele os USDT dos dois endereços dos sequestradores.

A própria Binance respondeu à história do russo, dizendo lamentar ouvir esta história e ter enviado uma mensagem privada para tentar ajudar.

Segundo relato do site Forklog, as autoridades russas já detiveram os dois suspeitos do crime e cerca de 70 mil dólares foram devolvidos a vítima que devido a investigação não pode dar mais detalhes.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias