Time da NBA vai aceitar Dogecoin como pagamento por ingressos

Durante a entrevista, Cuban disse que o time de basquete vai passar a aceitar a Dogecoin “Porque nós podemos!”.

Siga no

Aparentemente o bom momento da Dogecoin ainda possui força, ou simplesmente abriu as portas para que a criptomoeda meme ganhe novos mercados. A mais recente atualização foi o anúncio de que o Dallas Mavericks, um dos principais times da NBA, vai aceitar a moeda do simpático Shiba Inu como pagamento para ingressos das partidas e também para produtos licenciados.

Vale ressaltar que o Mavericks é o time do empresário Mark Cuban, que até recentemente não era nem um pouco confiante nas criptomoedas.

A DOGE, considerada por muitos como a mais “simpática” do criptomercado, vem quebrando diferentes barreiras recentemente, graças ao interesse de Elon Musk de promover o ativo digital.

Bilionário Mark Cuban, crítico do Bitcoin (BTC)?
Bilionário Mark Cuban – Reprodução/flickr

Agora, de acordo com o próprio Mark Cuban, em uma entrevista para o DealBook no New York Times, a moeda parece ter conquistado o empresário que muitas vezes criticou os ativos digitais, já que ele acha que aceitar a DOGE é “algo divertido” de se fazer.

Durante a entrevista, Cuban disse que o time de basquete vai passar a aceitar a Dogecoin “Porque nós podemos!”. No anúncio, feito exclusivamente ao DealBook, Cuban falou que a decisão veio por causa do fator diversão que a moeda proporciona (um argumento muito comum entre os investidores da DOGE).

“Às vezes, no setor financeiro, você precisa fazer coisas que são divertidas”, disse Mark Cuban ao The DealBook.

O time não vai aceitar as criptomoedas de forma direta. Da mesma forma que ele faz com o Bitcoin, os pagamentos em Dogecoin serão processados pela BitBay, companhia centralizada que processa pagamentos para outras entidades.

Essa é uma das principais soluções utilizadas por parte de diferentes empresas que querem receber Bitcoin sem necessariamente ter muito trabalho com a parte direta da transação.

Essa não é a primeira vez que Mark Cuban demonstra ter uma certa simpatia ao Dogecoin, recentemente ele postou em seu Twitter um trecho de uma entrevista em que ele disse comprar Dogecoin para ensinar seu filho sobre investimentos.

Na entrevista ele destacou que a moeda não tem valor intrínseco, mas que é muito divertida de ter como objeto educacional, podendo aprender sobre os movimentos do mercado e o que move o preço de uma criptomoeda.

Aos poucos ele passa a gostar mais da famosa moeda digital. Por enquanto, os fãs da Dogecoin nos EUA podem passar a usar suas moedas para ir aos jogos da NBA, no Brasil, os entusiastas do ativo podem comprar uma bela galinha caipira para o próximo almoço de domingo. 

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Idoso segurando Bitcoins aposentadoria

Empresa passa a oferecer aposentadoria com Bitcoin

Uma parceria entre três empresas do mercado de criptomoedas possibilitou a criação de um produto de aposentadoria com Bitcoin. Os planos de aposentadoria, normalmente chamados...

Líder de pirâmide com Bitcoin é solto e volta a aplicar golpes prometendo lucros

Mesmo depois de ter sido preso e indiciado pela Polícia Civil, o dono da pirâmide financeira "Medina Bank", Izaltino Medina Filho, de 60 anos,...

Modelo do Instagram vende seu “amor” em forma de criptomoeda

O mercado dos tokens não-fungíveis (NFTS) realmente se tornou uma grande moda nos últimos meses, sendo uma forma que muitos escolheram para vender peças...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias