Tokens de exchanges que mais valorizaram no último ano

Alguns se valorizaram bem mais que o Bitcoin!

Siga no
Tokens
Tokens

O ano de 2017 foi marcado pela era das ICOs, que eram ofertas públicas de investimentos, grande parte em tokens. De lá para cá, muitos projetos nem sequer entregaram o prometido, com a maioria desvalorizada mais que 90%. Contudo, surgiram os tokens de exchanges, sendo alguns criptoativos que se valorizaram no último ano.

Apesar da criação destes últimos, o cenário não está nada bom para este mercado. A maioria, assim como os ICOs já saiu do mercado ou mudou de estratégia.

Será que os tokens de exchanges foram os que mais valorizaram no último ano?

Os tokens de exchanges foram uma das “modas” do criptomercado em 2019. Assim como os ICOs, lançados por empresas novas no criptomercado, muitas corretoras resolveram lançar seu próprio ativo. Os tokens lançados por corretoras são conhecidos também como IEO.

Dentre os principais tokens de corretoras de criptomoedas estão: Binance Coin, Huobi, Kucoin, OKEx, Bittrex e Bitfinex. Cabe o destaque que o volume de transações destas corretoras são destaque no criptomercado

Tokens de exchanges são os que mais valorizaram no último ano?
Tokens de exchanges são os que mais valorizaram no último ano? – Fonte: https://twitter.com/lawmaster/status/1184454774508457984/photo/1

De acordo com o analista Larry Cermak, o Binance Coin (BNB) é o melhor retorno em relação ao Dólar. Já o pior desempenho ficou com a Bittrex, que teve uma grande desvalorização frente ao Dólar. O preço destes dois tokens se comportou da mesma maneira em relação ao Bitcoin.

Para o analista, a melhor estratégia é evitar tokens emitidos pela Bittrex. Por outro lado, comprar tokens como o BNB, OKB e HT, e vender no prazo de um mês, no máximo dois, pode ser uma boa operação para traders.

De acordo com Cermak, os tokens de exchanges estão mortos. O seu comportamento seria relacionado com o dos ICOs, que seus projetos morreram em grande parte em 2018.

Em relação ao Dólar, quem se valorizou mais em um ano: Bitcoin ou Tokens de Corretoras?

De acordo com a ferramenta de preços históricos CoinGoLive, o Bitcoin não conseguiu superar alguns tokens de exchanges. No último ano o Bitcoin (BTC), que é a principal criptomoeda do mundo, se valorizou 20% em relação ao dólar.

Entretanto, a Binance Coin (BNB), por exemplo, se valorizou 74% no mesmo período. O token da OKEx (OKB), também teve boa valorização de 76%. Além disso, o melhor desempenho ficou com o token da Huobi (HT), que ultrapassou 113% de valorização.

Contudo, ao se considerar apenas os últimos 200 dias, período compreendido em 2019, o Bitcoin leva vantagem. Enquanto o BTC teve mais de 94% de valorização neste período. O pior desempenho é do BNB, com apenas 4% de valorização. Na segunda e terceira posição ficam os tokens da OKEx e Houbi, com 44% e 41% respectivamente.

Quem se valorizou mais em um ano: Bitcoin ou IEOs?
Quem se valorizou mais em um ano: Bitcoin ou IEOs? – Fonte: https://coingolive.com/pt-br/coin/price-change-history/

Em conclusão, alguns tokens lançados por exchanges, tem dado bons resultados no longo prazo. Esse resultado seria fruto da solidez da corretora enquanto custodiadora de criptomoedas e alto volume de operações com tokens próprios. Para traders que operam em corretoras que possuem seus próprios tokens, pode ser interessante olhar o par de negociação do Bitcoin com estes.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Departamento de Tesouro dos Estados Unidos

Departamento do Tesouro dos EUA quer ferramenta para rastrear Bitcoin

A agência dos Estados Unidos responsável pela implementação de sanções contra empresas, parte do Departamento do Tesouro, quer uma ferramenta capaz de rastrear o...
Polícia investiga negócio de criptomoedas no ES

Corretora cripto é alvo de operação policial por fraude bilionária

A polícia da Coreia do Sul realizou uma operação em diversos escritórios de uma corretora de criptomoedas após a empresa ter sido acusada de ser...
Criptomoeda Ethereum mãe do DeFi

Banco Central dos EUA elogia Ethereum e inovação com DeFi

O Banco Central dos Estados Unidos de St. Louis publicou um artigo elogiando as inovações da plataforma Ethereum. Ao criar aplicações bancárias com tokens,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias