XP Investimentos irá lançar sua própria corretora de criptomoedas

Siga no
Imagem: Pixabay

Uma das maiores Corretoras de Bolsa de Valores brasileira irá lançar a sua própria exchange de criptomoedas, a previsão do lançamento é Setembro de 2018.

O mercado das criptomoedas no Brasil já superou em número de usuários a quantidade de pessoas cadastradas na Bolsa de Valores.

O próximo movimento nesse sentido foi anunciado pelo Estadão de que a XP Investimentos estaria a iniciar as suas operações com criptomoedas, o registro da corretora foi feito em um CNPJ separado com o nome de XDEX.

Fonte: https://www.receita.fazenda.gov.br/pessoajuridica/cnpj/cnpjreva/Cnpjreva_Comprovante.asp

De acordo com informações do site EmpresasCNPJ, o capital inicial da operação foi de R$ 25.001.200,00, e de acordo com a data da situação cadastral, o processo foi iniciado em 14/03/2016.

Recentemente a XP Investimentos teve uma parte de sua operação comprada pelo Banco Itaú, o banco disse que poderia exercer direito de compra de uma fatia maior com o tempo. A operação de compra de mais partes pelo banco porém foi negado pelo Banco Central do Brasil, que manteve ainda a independência da XP.

Isso demonstra que as grandes empresas brasileiras estão a entrar no mercado de criptomoedas, e os grandes bancos também mesmo que indiretamente como é o caso citado acima.

O mercado das criptomoeda está cotado atualmente em cerca de USD 223 bilhões, com o Bitcoin dominando mais de 50% do mercado, segundo dados do CoinMarketCap.

Mesmo assim, no mundo todo esse mercado ainda é uma pequena fatia do mercado de investimentos, com um potencial enorme de valorização, que ainda aguarda novos entrantes institucionais para dar volume e liquidez aos investidores.

Considerando as pessoas mais ricas do mundo de acordo com a Forbes, Jeff Bezos possui cerca de USD 112 bi, Bill Gates possui cerca de USD 90 bi, e o terceiro colocado Warren Buffet cerca de USD 84 bi, o que já daria mais dinheiro do que o mercado todo das criptomoedas.

Gattes e Buffet já se posicionaram contra as criptomoedas.

As maiores empresas também ainda não entraram no mercado, apesar de estarem a estudar sobre a tecnologia blockchain.

Um estudo realizado em Janeiro de 2018 quando o mercado atingiu grandes patamares chegando a vislumbrar o trilhão de dólares colocou o Bitcoin como um ativo semelhante ao ouro, e mostra que o potencial de valorização é grande, pois o mercado é pequeno em comparação a outros.

A entrada da XP Investimentos no mercado de criptomoedas Brasil pode trazer mais dinheiro institucional.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Lightning Network do Bitcoin

Corretora de Bitcoin brasileira vai implementar Lightning Network

A corretora de Bitcoin Walltime, conhecida na comunidade brasileira por ser uma das mais antigas e seguras, começou a se movimentar para ser a...
Criptomoedas Bitcoin e Ethereum

Aceleradora de franquias começa aceitar Bitcoin e Ethereum como pagamento

A aceleradora de franquias 300 Franchising agora aceita Bitcoin e Ethereum como meio de pagamento. Com a chegada da empresa, o cenário no Brasil...
Mão segurando Bitcoin em pilha de moedas

‘Barão do Bitcoin’ fará workshop sobre criptomoedas

Com o desempenho do Bitcoin ao longo dos anos muita gente passou a ter interesse na possibilidade de investir na criptomoeda, mas por onde...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias