2X Trader: mais uma empresa de “arbitragem de bitcoin” na mira da justiça

Parece a A2 Trader, promete rendimentos igual a A2 Trader, tem MMN igual a A2 Trader, mas não é a A2 Trader

-

Siga no
2X trader
2X trader
Anúncio

2X Trader é a mais nova empresa a entrar na mira da justiça por prometer ganhos com arbitragem em criptomoedas e não honrar pagamentos aos investidores.

A empresa, que tem nome muito parecido com a A2 Traderpirâmide que também prometia rendimentos em criptomoedas – promete rendimentos colossais de 200% sob o valor investido.

A promessa de rendimento em si já é um alerta vermelho para qualquer investidor que esteja atento.

Anúncio

Além de prometer “duplicar o capital investido”, a empresa também trabalha com um modelo de ganho com indicações, o famoso marketing multinível.

Promessas 2X trader
Promessas 2X trader

Modelo similar a empresas que deram cano em clientes

Empresas que oferecem serviço de arbitragem de bitcoin estão se tornando alvos contantes da justiça.

As mais conhecidas deram cano em clientes, escancarando que o modelo é insustentável e mentiroso.

Bons exemplos de empresas que deram cano em investidores são a Atlas, Anubis Trader e Unick Forex, todas operavam modelo de pirâmide sob a falsa promessa de “fazer arbitragem de bitcoin.

Apenas um lembrete, é possível fazer dinheiro com arbitragem? Claro que sim, mas prometer rendimentos diários, garantidos e infalíveis não deu certo até agora.

A 2X Trader, em seu site, diz que é especialista em investir no mercado internacional de criptoativos. E diz também que tem 7 formas de cashback.

2X trader
2X trader

Cliente da empresa investiu 11 mil com promessa de receber o dobro e não conseguiu sacar nem metade

A 2X trader tem aparecido na justiça, na ultima semana surgiram 6 processos citando a empresa, todos pedindo tutela de urgência para ressarcimento de valores.

Em um dos casos, a autora do processo diz que investiu R$ 11 mil, mas só conseguiu sacar R$ 4 mil.

“A autora alega que as rés ofereceram planos para compra de “criptomoedas”; que investiu R$ 11.000,00; e, que só conseguiu resgatar o valor de R$ 4.050,00. Quer a concessão de liminar para que seja determinado o bloqueio “Bacenjud” em contas bancárias das rés no valor de R$ 6.950,00.”

O processo corre na justiça de São Paulo desde o dia 13/12, o juiz não concedeu tutela de urgência alegando que “transações desse tipo [com criptomoedas] têm riscos devido a instabilidade do mercado”.

Parece que a suposta devolução de dinheiro da cliente que acreditou em dinheiro fácil, rápido e garantido vai ter que esperar a empresa se defender.

Cada dia que passa parece que fica mais claro ficar cada vez mais longe de empresas que se dizem trabalhar com arbitragem de bitcoin.

A reportagem do Livecoins entrou em contato com a 2X trader para saber quando os pagamentos serão normalizados. Assim que houver resposta, esta matéria será atualizada.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Avatar
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Cristo Redentor, símbolo no Brasil (Rio de Janeiro), e Bitcoin (BTC Blockchain)

Brasil desenvolve com blockchain uma identidade descentralizada

O Brasil caminha rumo às novas tecnologias e já desenvolve com uso da blockchain um novo projeto. Chamada de identidade descentralizada, a solução promete...
Sequestro envolvendo Bitcoin e criptomoedas

Polícia desarticula sequestro que pedia Bitcoin pelo resgate de mulher

Um sequestro de uma mulher no Ceará, que pedia R$ 1 milhão em Bitcoin como resgate, foi desarticulado pela polícia civil em 12 horas....
Estátua da Justiça

Justiça bloqueia do Grupo SAF mais de R$ 400 mil após suspeitas de pirâmide

Um novo negócio suspeito de operar um esquema de pirâmide financeira recebeu atenção da justiça nos últimos dias. Isso porque, a justiça do Distrito...

Últimas notícias

Polícia desarticula sequestro que pedia Bitcoin pelo resgate de mulher

Um sequestro de uma mulher no Ceará, que pedia R$ 1 milhão em Bitcoin como resgate, foi desarticulado pela polícia civil em 12 horas....

Justiça bloqueia do Grupo SAF mais de R$ 400 mil após suspeitas de pirâmide

Um novo negócio suspeito de operar um esquema de pirâmide financeira recebeu atenção da justiça nos últimos dias. Isso porque, a justiça do Distrito...

Uniswap dispara 270% com distribuição de 400 tokens por usuários

O valor total bloqueado (TVL – de Total Value Locked a inglês) na corretora descentralizada Uniswap disparou mais de 270%, de R$ 2.7 bilhões...