Alexandre de Moraes mantém acusado de golpe com criptomoedas na prisão

Siga no
Ministro do STF Alexandre de Moraes
Ministro do STF Alexandre de Moraes Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil - Local: DF

O Ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, manteve a prisão de um homem acusado de aplicar um golpe com criptomoedas.

O caso já havia passado pelo STJ, quando o Ministro Ribeiro Dantas também já havia indeferido o pedido de habeas corpus ao investigado. O homem cometeu o crime de estelionato contra pessoas no Brasil, usando para isso uma criptomoeda chamada “Time Cash”.

Segundo uma apresentação de negócios da TimeCash da qual o Livecoins teve acesso, os criadores da criptomoeda afirmavam que ela tinha lastro na educação financeira.

A criptomoeda surgiu no Brasil em 2019, quando foi feito uma Oferta Inicial de Criptomoedas (ICO) para captar investidores que teriam a sua disposição um projeto de investimento, forex e mercado futuro americano.

Em sua proposta, a Time Cash dava aos investidores a sensação de que iria se valorizar no mercado, com rentabilidades até no mercado imobiliário.

Homem que aplicou golpe com criptomoedas é mantido na prisão

Na última semana, o Ministro do STF Alexandre de Moraes julgou o caso do homem acusado de aplicar um golpe com criptomoedas no Brasil. Identificado como L. C. V. C. (Luiz Cláudio Vieira Cabral), o suspeito teria captado mais de R$ 400 mil entre 2019 e 2020 no mercado brasileiro.

“A materialidade dos delitos está evidenciada, […] consistentes na cópia de diversas notas promissórias contendo a suposta assinatura do representado, com vários campos em branco, e de um cheque emitido a intermediária supostamente lesada, indicando o recebimento de expressivos valores pelo representado, totalizando a quantia de R$ 445.000,00.”

Acusado dos crimes de estelionato, conforme Diário da Justiça do Supremo Tribunal Federal (STF), o homem ao captar o dinheiro não cumpriu com o prometido para as vítimas. O crime foi cometido na cidade de Antunes, no interior de Minas Gerais, contra pelo menos cinco pessoas.

“Consta dos autos que o denunciado se apresentou para as vítimas Juliana, Cristiana, Ana Maria, Estanislau e Marcos como operador do mercado financeiro, dizendo possuir a criptomoeda “Time Cash”. Assim, convenceu as vítimas a repassar-lhe certa quantia em dinheiro, a qual seria investida, através de operações financeiras no mercado “Forex”, com a promessa de devolver-lhes percentagem do valor todos os meses e, ao final, a quantia
inicial.”

Ao captar os valores, podem alcançar R$ 1,5 milhão, o homem entregava as vítimas notas promissórias. Em 14 de abril de 2021, os investidores se encontraram com o denunciado e como não receberam seu dinheiro de volta, acionaram a Polícia Militar.

Alexandre de Moraes nega habeas corpus

A autoridade policial se manifestou para manter a custódia cautelar do suspeito. Mesmo assim, a defesa ingressou com pedido de habeas corpus afirmando que ainda não está claro o julgamento do homem, que pode estar há três meses de forma equivocada.

Contudo, o ministro Alexandre de Moraes afirmou que, segundo a Súmula 691/STF, não compete ao supremo conhecer essa liminar, sob pena de indevida supressão de instância. Assim, ele indeferiu o habeas corpus contra o homem acusado de aplicar um golpe com criptomoedas no Brasil.

“Nos termos da Súmula 691/STF, não cabe ao SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL conhecer de Habeas Corpus voltado contra decisão proferida por relator que indefere o pedido de liminar em impetração requerida a tribunal superior, sob pena de indevida supressão de instância”.

Essa não é a primeira vez que o Supremo Tribunal Federal, com o Ministro Alexandre de Moraes, julga um caso envolvendo o mercado de criptomoedas. Isso porque, em agosto de 2020, o STF rejeitou um HC movido por acusado de matar um advogado por dívida envolvendo Bitcoin, crime ocorrido em São Paulo.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

“Bitcoin não me atrai”, diz André Esteves do BTG Pactual em áudio vazado

Um áudio vazado de uma conversa de André Esteves, banqueiro do BTG Pactual, deixou claro a opinião dele sobre o Bitcoin como um investimento. O...
Dúvida sobre o Bitcoin ser caçado pela China

China pode estar planejando cancelar proibição do Bitcoin

A China tem sido um dos países que mais aparece nos holofotes do setor financeiro, seja ele o tradicional ou então o criptomercado. Com...

Alemanha vai leiloar R$ 75,2 milhões em Bitcoin

O leilão de criptomoedas realizados por diferentes governos tem sido algo cada vez mais comum, e desta vez um estado da Alemanha vai leiloar...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias