Alta do Bitcoin faz surgir novos golpes com criptomoedas

Nova alta, novos impostores

Siga no
Martelo quebrando ovo de Bitcoin golpe perda de dinheiro
Martelo quebrando ovo de Bitcoin

A alta no preço do Bitcoin fez surgir novos impostores no mercado, pessoas focadas em criar golpes que podem atrapalhar investidores interessados em conhecer a moeda digital. Nos últimos anos, os golpistas se aproveitaram dos momentos de alta para criar novas formas de roubar as pessoas.

Poderíamos dizer que os golpes com Bitcoin ficaram para trás, lá em 2019, com o fim de diversas pirâmides, contudo, com a chegada de um ano novo, as falsas promessas com a moeda digital devem continuar presentes no mercado.

Como o Bitcoin é uma tecnologia nova, passando por uma grande valorização, muitas pessoas se aproveitam da brecha. Famosos têm alertado para o problema no Brasil e no mundo.

Vale o destaque que inúmeros investidores sofreram com golpes nos últimos anos, patrimônios de famílias inteiras foram perdidos após pessoas acreditaram em falsas promessas.

Nova alta, novos golpes

A alta do Bitcoin é o principal movimento no mercado financeiro mundial, com nenhum ativo superando a valorização da moeda digital nos últimos anos. Em relação ao dólar, apenas em 2020, o Bitcoin fecha o ano com alta de 302%.

Já em real, que desvalorizou em relação ao bólar cerca de 30% em 2020, o Bitcoin valorizou 422%. Esse movimento comprador é certamente destaque em todo mundo, principalmente ao atravessar uma das piores crises sanitárias da história.

No meio da alta do Bitcoin muitos golpes aparecem no mercado. As famosas pirâmides financeiras são apenas um dos problemas enfrentados por quem ingressa agora em busca de informações sobre a moeda digital.

Isso porque, é comum que empresas ofereçam rendimentos altos com Bitcoin, fixos e mensais. Esse golpe é antigo, aplicado desde antes da invenção da criptomoeda.

Além disso, muitos golpistas criam golpes elaborados pela internet, usando práticas de phishing, por exemplo. Dessa forma, atraem pessoas para um investimento que pode ser fatal para muitos iniciantes do mercado.

Em muitos casos, pessoas que caem em golpes tendem a se afastar do Bitcoin, acreditando que a tecnologia é golpista, não as pessoas que desenvolvem essas artimanhas. No Brasil, o apresentador da TV Globo, Tiago Leifert, falou nos últimos dias que passa o dia todo desmentindo sobre golpes com Bitcoin na internet.

“Não envie seus Bitcoins para ninguém”, alerta famosa especialista

O que fica claro é que o movimento de alta do Bitcoin abre espaço para golpes, levando iniciantes do mercado a prejuízos. Nos últimos dias, Stacy Herbert, fã do Bitcoin e apresentadora, alertou seus mais de 100 mil seguidores pelo Twitter.

De acordo com ela, enviar Bitcoin para desconhecidos, mesmo usando a imagem de um famoso, é algo errado. Ela citou que os bitcoins, ao serem comprados, devem permanecer em uma carteira segura.

“AVISO: NÃO enviarei mensagens para você aqui ou no Facebook ou Instagram ou Telegram ou em qualquer outro lugar. Não há oportunidades incríveis de investimento em bitcoins disponíveis apenas para você. O mercado altista está trazendo muitos impostores. Não seja estúpido, nunca envie seu bitcoin para ninguém.”, afirmou Stacy

Com a virada do ano, muitas pessoas terão oportunidades no mercado de Bitcoin, para o bem ou para o mal. Para quem não ficar atento, entretanto, as perdas poderão ser grandes.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Bitcoin ganha novo impulso de alta e supera US$ 34 mil, entenda

O Bitcoin continua a se recuperar de sua queda no início da semana após várias empresas darem sinais que estão correndo para apostar no...
dolar rasgado e Bitcoin. Imagem: ShutterStock

Valor total de transações com bitcoin em 2021 deve superar PIB dos EUA

Pela primeira vez em menos de sete meses, o volume total de transferências com bitcoin ultrapassou US $ 15,8 trilhões. Como resultado, o volume...
CEFI vs DEFI

DeFi vs CeFi: Finanças Centralizadas vs Finanças Descentralizadas

Finanças descentralizadas (DeFi) são uma das fatias mais cobiçadas da indústria de blockchain hoje, mas a ideia em si tem origens muito mais humildes. Na verdade,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias