Autoridades fecham banco de Peter Schiff, um dos maiores críticos do Bitcoin

Schiff argumenta que apenas gastou dinheiro com o banco, tendo que investir 7 milhões de dólares (R$ 37 milhões) para cobrir despesas que, ainda segundo ele, foram causadas por artigos negativos da imprensa que afastaram clientes em potencial.

Autoridades de Porto Rico suspenderam as atividades do Euro Pacific International Bank na última quinta-feira (30). Tal banco foi fundado em 2017 pelo maior crítico do Bitcoin e defensor do ouro, Peter Schiff.

Segundo informações, o fechamento do banco estaria relacionado a uma investigação em andamento, sobre lavagem de dinheiro e evasão de dinheiro.

Através de suas redes sociais, Schiff defendeu-se das acusações e afirmou estar tentando resolver o caso. Entretanto, a comunidade do Bitcoin aproveitou a oportunidade para fazer chacota com o empresário.

Banco de Peter Schiff é fechado

De acordo com um documento da Receita Federal dos EUA, o fechamento do Euro Pacific International Bank, na última quinta-feira (30), trata-se de uma investida contra a lavagem de dinheiro e evasão fiscal.

Em sua defesa, Peter Schiff, fundador do banco, afirmou que foi informado da decisão uma hora antes da conferência de imprensa e que até mesmo a mídia soube do caso antes dele e dos advogados de seu banco.

“Apesar de nenhuma evidência de crimes, os reguladores de Porto Rico fecharam meu banco de qualquer maneira por questões de capital líquido,” lamenta Peter Schiff no Twitter. “Em vez de permitir uma venda a um comprador altamente qualificado prometendo injetar capital muito além dos mínimos regulamentares. Como resultado, as contas foram congeladas e os clientes podem perder dinheiro.”

Sendo assim, os principais afetados pela situação são os próprios clientes do Euro Pacific Internacional, visto que estes estão com suas economias presas.

Seguindo, Schiff argumenta que apenas gastou dinheiro com o banco, tendo que investir 7 milhões de dólares (R$ 37 milhões) para cobrir despesas que, ainda segundo ele, foram causadas por artigos negativos da imprensa que afastaram clientes em potencial.

Por fim, o empresário também aponta que sofreu pressão política devido a suas opiniões pessoais, o que fez o mesmo perder US$ 17 milhões (R$ 90 mi) que entrariam após a venda do banco, que foi cancelada.

O Bitcoin resolve isso

Conforme Peter Schiff é um dos maiores críticos do Bitcoin, a comunidade não perdeu tempo e aproveitou para zombar do empresário, notando a importância de um sistema descentralizado e incensurável.

“Se o dinheiro fosse realmente seu, você deveria poder acessá-lo quando quisesse, mas ele não é.”

Em meio a dezenas de memes sobre o tema, outro usuário recomenda que Schiff comece a usar um dinheiro que não possa ser confiscado por alguém que discorde de suas opiniões. Em outras palavras, o Bitcoin resolve isso.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias