BC da Austrália faz alerta de crash no mercado de criptomoedas

Segundo Richards, as CBDCs são a salvação da economia e a introdução delas fará com que a confiança do povo em uma moeda estatal continue perdurando por mais tempo.

Tony Richards, diretor de política de pagamentos do Banco Central da Austrália (RBA), afirmou que a atual demanda por criptomoedas pode acabar, transformando lucros em prejuízos.

Seu discurso, publicado nesta quinta-feira (18), também abordou stablecoins e como ele imagina que uma CBDC — moeda digital do banco central — pode restaurar a confiança do povo no dinheiro estatal.

Este é o segundo ataque de bancos centrais em relação as criptomoedas apenas nesta semana. O primeiro foi do Banco Central Europeu, com um discurso similar, ao tentar explicar os motivos da alta inflação atual.

Criptomoedas não são dinheiro

Richards abre sua fala dizendo que criptomoedas não são moedas, alegando que elas não possuem os principais atributos do dinheiro. Segundo ele, as criptomoedas não são usadas como forma de pagamento, nem como unidade de conta e seus preços podem ser muito voláteis.

“São uma reserva de valor pobre”

Por comparação, o dólar australiano (AUD) caiu 6% em relação ao dólar americano (USD) desde o início deste ano. Já o Bitcoin valorizou 79% no mesmo período, a diferença é ainda maior caso adicionarmos outros anos. Também é importante lembrar que o USD já perdeu 6,2% de seu poder de compra este ano, deixando o AUD duas vezes no negativo.

A visão de Richards sobre o bitcoin não ser usado como forma de pagamento também é contestável. Embora aceitar bitcoin não seja obrigatório, sendo transacionado por livre e espontânea vontade, ao contrário do dólar australiano, aos poucos novos estabelecimentos físicos e online estão vendo as suas vantagens.

Sobre o futuro das criptomoedas, o diretor de política de pagamentos do RBA afirma que sua demanda diminuirá, citando que o mercado está numa fase de FOMO (medo de perder a oportunidade), alto uso energético pela mineração e conclui com o pseudo-anonimato do Bitcoin, alegando que criptomoedas são usadas por criminosos.

“Existem cenários plausíveis em que uma série de fatores podem se juntar para desafiar significativamente o fervor atual por criptomoedas, de forma que atual demanda especulativa pode começar a se reverter, e muitos dos aumentos de preços dos últimos anos podem ser revertidos.”, disse Tony Richards do Banco Central da Austrália

Moedas Digitais de Bancos Centrais (CBDCs) são a salvação, para eles

Segundo Richards, as CBDCs são a salvação da economia e a introdução delas fará com que a confiança do povo em uma moeda estatal continue perdurando por mais tempo.

“Ofornecimento de uma nova forma digital de dinheiro do banco central para uso geral pode ser importante para salvaguardar a confiança no dinheiro nacional e no papel das moedas fiduciárias.”

É no mínimo irônico pensar que as próprias instituições que desvalorizam as moedas de seu países, usadas de forma forçada, sejam os mesmos que estejam querendo apresentar soluções.

Agora, além de continuar perdendo poder de compra devido a impressão de mais dinheiro, as CBDCs também acabarão completamente com a privacidade monetária de todos cidadãos. Porém, para o RBA, elas são o futuro, querendo você ou não.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias