BC da Indonésia diz que sua moeda digital pode “combater” o Bitcoin

A chegada das CBDCs será marcada por uma era de menos privacidade e maior controle estatal, visto que governos poderão espionar e congelar contas, fazendo com que o papel moeda torne-se cada vez menos utilizável.

Siga no

O Banco Central da Indonésia revelou nesta terça-feira (30) a sua opinião sobre o papel da sua CBDC — moeda digital de banco central — em resposta às criptomoedas. A fala de Juda Agung, presidente assistente do Bank Indonesia, foi publicada pelo Bloomberg.

De forma resumida, o governo está piorando o seu dinheiro, diminuindo cada vez mais a privacidade do indivíduo e colocando mais poder na mão do Estado. Apesar disso, eles acreditam que as CBDCs conseguirão fazer com que as pessoas abandonem o Bitcoin.

Hoje a inflação — geração de novas moedas — pode ser considerada como um imposto oculto, fazendo com que o mesmo montante de dinheiro do mês passado compre menos produtos e serviços no próximo.

Os governos estão empurrando as CBDCs como se fossem uma solução, para um problema que eles mesmos criaram, todavia ela é apenas uma nova embalagem de uma velha política monetária.

Concorrência?

A popularização das criptomoedas está colocando cada vez mais pressão para que governos criem as suas próprias moedas digitais, chamadas de CBDC. Esta seria uma forma de tentar manter o interesse de seus cidadãos em suas moedas nacionais.

A Indonésia é mais um país que esta realizando pesquisas para lançar a Rupia Digital. Segundo Juda Agung, governador assistente do Banco Central da Indonésia, sua criação pode fazer com que ela seja uma forte alternativa do Bitcoin e outras criptomoedas.

“Uma CBDC seria uma das ferramentas para combater as criptomoedas”

Além disso, Agung também afirmou que as pessoas teriam mais confiança em uma CBDC do que em criptomoedas, todavia não explicou os motivos que o levaram a chegar nesta conclusão.

“Acreditamos que as pessoas achariam a CBDC mais confiável do que uma criptomoeda”

O que as CBDCs tem de diferente

A chegada das CBDCs será marcada por uma era de menos privacidade e maior controle estatal, visto que governos poderão espionar e congelar contas, fazendo com que o papel moeda torne-se cada vez menos utilizável.

Além disso, estas moedas continuarão sendo desvalorizadas pelos próprios governantes a medida que estes continuarão imprimindo dinheiro. Apesar de serem digitais como o Bitcoin, seus padrões estão bem longe.

Dito isto, podemos dizer que o Bitcoin foi criado no momento certo, antecipando-se a essa futura fiscalização monetária em cima do indivíduo. Embora o BTC seja pseudo-anônimo, não há nada que um governo possa fazer, é impossível roubar os BTC de um indivíduo, assim como fazem com outras moedas estatais depositadas em bancos.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Há mais de 5 anos trabalhando com criptomoedas, hoje escrevo artigos e notícias para o Livecoins.

Entenda o que é Smart Contract, a tecnologia que veio pra ficar!

Os produtos e serviços tradicionais estão sofrendo fortes mudanças decorrentes da transformação digital, criando instrumentos inteligentes para as empresas e nosso cotidiano. Carros autônomos, robôs...
Pedro Cerize, gestor de fundos brasileiro e sócio da Skopos

Gestor de fundos brasileiro critica CFA por incluir criptoativos em prova

Um famoso gestor de fundos brasileiro criticou a instituição responsável pela certificação Chartered Financial Analyst (CFA) por incluir criptoativos na prova. Como uma prova...
Símbolo do Bitcoin próximo do McDonalds

Queda do Bitcoin faz presidente de El Salvador postar foto como funcionário do McDonald’s,...

A queda do Bitcoin nos últimos dias afetou duramente o mercado, levando o presidente de El Salvador a postar uma foto usando "uniforme" do...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias