Binance apresenta Margin trading em sua plataforma

-

Siga no
Anúncio

A exchange Binance liberou acesso a um site beta que mostra a opção de margin trading (trading com margem), permitindo que seus usuários operem alavancados.

O site mostra 9 pares, BNB/BTC, BNB/USDT, BTC/USDT, ETH/BTC, ETH/USDT, TRX/BTC, TRX/USDT, XRP/BTC e XRP/USDT e é preciso ter uma conta verificada para operá-los.

O margin trading é uma forma de operar montantes maiores aos quais você possui, onde você fornece uma porcentagem do valor total como garantia, atualmente a alavancagem máxima na Binance é de 2x, ou seja, uma razão de 2:1. Ou seja, você poderá lucrar duas vezes mais, e do outro lado da moeda, perder duas vezes mais e até mesmo ser liquidado e ficar sem nada.

Anúncio

A própria exchange faz um lembrete importante dos riscos:

Trading com margem remete-se a um potencial de lucros maiores, mas também a maiores riscos. Esteja ciente que em tempos de extrema volatilidade de mercado, há o risco de seus ativos serem liquidados.

A Binance Chain

Além disso, a plataforma recentemente lançou a sua própria blockchain, fazendo um swap do token BNB da rede Ethereum para a sua própria rede que é mais rápida, suporta mais transações por segundo e tem taxas de transação mais baratas, além disso, a sua DEX (exchange descentralizada) já está funcionando.

A cada dia mais projetos migram para a Binance Chain, esta semana foi a vez dos projetos Blockmason (BCPT), Gifto (GTO) e Aeron (ARN), ao que tudo indica, esta é a blockchain que pode tomar o lugar do Ethereum já que muitos projetos, como os três listados acima, estão migrando da rede Ethereum para a Binance Chain, além disso, a Binance está dando a luz a novos projetos como o Harmony.One (ONE), através de suas IEOs (Oferta Inicial de Exchange).

Várias Binances

Além da exchange principal e da descentralizada, ela está expandindo, mostrando opções como a Binance Jersey, Binance Singapore e a Binance Uganda.

As diferenças são simples, a Binance.com é centralizada e trabalha apenas com criptomoedas.

A Binance DEX é descentralizada, ela trabalha em cima da Binance Chain e só é possível operar tokens que estão em sua rede.

Já as exchanges Binance Jersey, Singapore e Uganda trabalham com moedas fiduciárias, a primeira trabalha com libra esterlina e euro, a segunda com dólar singapuriano e a terceira com xelim ugandês. Será que um dia veremos a Binance abrindo uma exchange no Brasil?

No mercado de baixa ou de alta, a Binance continua construindo, gerando empregos e melhorando o ecossistema, recentemente 7000 BTC foram roubados da exchange e através do fundo SAFU, nenhum usuário foi afetado. Ela está fazendo de tudo para continuar no topo e está sendo seguida por várias outras exchanges que copiam os seus modelos de negócio.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Avatar
sabotag3x
Top 100 poster @ bitcointalk, altcoin maximalist, interessado em mineração, trading, detalhes técnicos e econômicos. Do zero ao milhão em 6 meses com a Iconic Services. Nunca comprei 1 bitcoin, nem mesmo 1 satoshi, e não pretendo comprar.

Leia mais

Últimas notícias

CoinMarketCap dando criptomoeda concorrente da IOTA

O campo das criptomoedas segue em alta em 2020 e muitos projetos promissores têm surgido. Para divulgar uma nova promessa, o CoinMarketCap está dando...

EUA multa serviço de Mixer de Bitcoin em U$ 60 milhões

Em uma decisão única e que pode abrir uma série de precedentes para o futuro, a FinCEN, órgão dos EUA responsável por combater crimes...

Brasileiro é acusado de fraudar programa de recompensas de criptomoeda

Um brasileiro foi acusado de ter fraudado um programa de recompensas da criptomoeda Monero, na acusação, Everton Melo teria copiado a análise de outro...