Binance ainda não deu sinal verde para atualização do Bitcoin e é criticada nas redes sociais

Comunidade cobra em redes sociais uma posição da maior corretora de criptomoedas sobre a importante atualização do Bitcoin.

Siga no
Símbolo do Bitcoin em blocos, representando blockchain atualização Taproot
Símbolo do Bitcoin em blocos, representando blockchain

A Binance ainda não atualizou sua versão do Bitcoin para aderir ao Taproot, uma das atualizações mais importantes da história do Bitcoin. Como resultado, a corretora está sendo criticada nas redes sociais.

Para quem não entendeu nada até aqui, é preciso compreender o momento que a criptomoeda passa. Isso porque, para continuar cumprindo com a promessa de ser uma moeda descentralizada e segura, o Bitcoin continua recebendo atualizações.

Como a moeda não é centralizada, a decisão de atualizar a rede ou não cabe a comunidade de desenvolvedores, mineradores e operadores de nós, ou seja, os principais atores do ecossistema da moeda.

A última grande atualização foi a implementação do Segwit, que aconteceu em 2017, no caso da atualização Taproot, os mineradores devem sinalizar se concordam ou não com a mudança, que vai dar ao Bitcoin mais privacidade e segurança.

A Binance Pool, que é a quarta maior pool de mineração atualmente, ainda não deu sinal verde para a atualização.

Polêmica sobre ativação do Taproot na Binance Pool

A atualização Taproot deve ser implementada pelos mineradores em até três meses. Para isso, basta que atualizem suas versões de software, para sinalizar que concordam com as mudanças na rede do Bitcoin.

Assim, às três maiores pools de mineração, que reúnem milhares de mineradores de Bitcoin, já aderiram à ideia da atualização, com a rede registrando 56% dos blocos pró-Taproot.

Mas a polêmica sobre a atualização, que ainda não havia sido vista, começa a acontecer com a Binance Pool, a quarta maior hoje.

Binance Pool ainda não atualizou o Bitcoin para sinalizar apoio ao Taproot
Binance Pool ainda não atualizou o Bitcoin para sinalizar apoio ao Taproot e cria polêmica nesta sexta-feira (7) com postagem em rede social – Reprodução

Isso porque, ao não atualizar o software sinalizando apoio ao Taproot, a Binance começou a ser cobrada em redes sociais pela comunidade. Muitos questionam o porquê da Binance Pool ainda não ter se atualizado, com a resposta da corretora não sendo a mais esperada pela comunidade.

Nesta sexta-feira (7), a principal conta no Twitter da Binance perguntou aos seus seguidores, em uma enquete que dura até o próximo sábado, se deve atualizar para sinalizar que concorda com o Taproot.

No momento da escrita desta matéria, a enquete já foi respondida por mais de 20 mil pessoas. Em 78% das respostas dos seguidores da conta, a resposta foi unânime no “Sim”, indicando que a Binance Pool deve sinalizar o Taproot.

Perigos de uma enquete em redes sociais é o que preocupa comunidade Bitcoin

O maior problema da ação da Binance Pool aparentemente depender da aprovação de seus seguidores em redes sociais são os perigos da prática. Isso porque, comunidades do Bitcoin Cash e SV, que são contrárias ao Bitcoin, podem interferir nos resultados de propósito, apenas para atacar o Bitcoin.

Além disso, há uma preocupação com bots criados pelo Twitter, que poderiam votar no “Não”, também para atacar o Bitcoin. Ao expor um tema sensível em uma rede social, ambiente que não é considerado seguro para tomada de decisões importantes, a Binance Pool criou polêmica e atrasa mais ainda a definir se irá apoiar o Taproot ou não.

Como a Binance é a maior corretora de criptomoedas do mundo, uma não sinalização poderia também afastar alguns clientes de sua operação, principalmente se acreditarem que a empresa não se preocupa com a segurança da rede.

“Binance Pool poderia até perder mineradores”, alerta especialista em Bitcoin no Brasil

A conta no Twitter Documenting Bitcoin criticou a postagem da Binance, apesar de responder “Sim” na enquete. O responsável pela conta, que conta com mais de 350 mil seguidores, disse que independente da posição da Binance, o Taproot será ativado e que a corretora deveria apoiar a comunidade.

O principal problema que a Binance poderia ter com a não ativação da Taproot seria a perda de mineradores em sua pool. Como ela apenas administra o poder computacional de mineradores, aqueles que hoje mineram na Binance Pool e querem a ativação do Taproot poderiam migrar, tirando poder da eventual decisão negativa, afirmou ao Livecoins o cypherpunk e especialista em Bitcoin, Narcélio Filho.

“Os membros da pool já estão votando com o hashrate. Se discordarem da pool, vão abandoná-la e ela fica com o prejuízo.”

Narcélio lembrou que o debate sobre a atualização para o Taproot começou há alguns anos. Ou seja, agora é o momento de colocar em prática o que já foi discutido, e não criar polêmica.

“Estamos na fase em que os mineradores indicam a prontidão para a atualização, que vai acontecer de qualquer maneira, pois é isso que os usuários querem. A hora de discutir o apoio ao Taproot já passou, aconteceu nos últimos anos. A funcionalidade já foi implementada e é bem provável que todos os mineradores já estejam com software com suporte à ela, há tempo. Agora terão mais três meses para mostrarem que estão prontos. Caso essa sinalização não seja feita em no mínimo 90% dos blocos, o softfork pode acabar acontecendo de qualquer maneira por parte dos usuários em novembro.”

Mas a polêmica da Binance pode trazer graves consequências para a atualização do Bitcoin, caso a pool opte por não concordar.

De acordo com Narcélio, se os outros 90% do hashrate não forem capazes de sinalizar a atualização, isso poderia atrapalhar.

O especialista, no entanto, não acredita que a Binance deverá arriscar sua reputação agora e atrapalhar a atualização do Bitcoin.

Na primeira semana de início da votação dos mineradores, 56% já concordaram com as mudanças, sendo necessário 90% para que essa seja feita.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Hashdex e XP Seguros lançam previdência internacional em criptomoedas

A Hashdex, empresa gestora de moedas digitais no Brasil, com a XP Seguros, braço de investimentos da XP Inc., lançam nesta terça-feira (22) uma...
Celular com Dogecoin e Computador também atualização

Atualização da Dogecoin é acompanhada de perto por Elon Musk

O bilionário Elon Musk está acompanhando uma atualização da Dogecoin que será testada na próxima quarta-feira (23). Para o CEO da Tesla, a nova...
GPUs. Imagem: ShutterStock

Após China banir mineração de criptomoedas, placas de vídeo começam baratear

A batalha das autoridades chinesas contra os mineradores de criptomoedas levou não apenas a queda nos preços dos ativos digitais, mas também a uma...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias